Empresas Accionistas da Pharol aprovam aumento de capital

Accionistas da Pharol aprovam aumento de capital

O aumento de capital foi aprovado por mais de dois terços dos accionistas presentes na assembleia-geral.
Sara Ribeiro 07 de setembro de 2018 às 18:45

A Pharol vai avançar com um aumento de capital para poder participar na injecção de dinheiro na brasileira Oi, que tem em curso um plano de recuperação judicial. A decisão foi votada esta sexta-feira, 7 de Setembro, em assembleia-geral.

 

O aumento de capital dos actuais 26,89 milhões de euros para até 55,48 milhões foi aprovado por mais de dois terços dos accionistas presentes na reunião.

 

Além da aprovação da realização do aumento de capital e da consecutiva alteração dos estatutos, os accionistas deram "liberdade ao conselho de administração para decidir o preço, valores ou prazos", disse o presidente da Pharol, Luís Palha da Silva, no final da assembleia ao Jornal de Negócios.

 

A Pharol detinha uma participação de 27% na Oi, mas essa posição baixou para 7,6% após a empresa ter decidido não participar na recapitalização da operadora brasileira através de conversão de dívida, primeira etapa dos dois aumentos de capital previstos no âmbito do plano de recuperação da empresa de telecomunicações brasileira. 

 

O segundo aumento será feito por injecção de dinheiro e a Oi tem planeado angariar 4 mil milhões de reais. A operação, aprovada pelos accionistas no final do ano passado e pela justiça brasileira, deve ficar concluída até ao final do ano. 

 

O outro ponto da AG, a nomeação de Maria Modesto para o conselho de administração da antiga PT SFPS, também foi aprovado. 


(Notícia actualizada às 19:40)




Saber mais e Alertas
pub