Media Adele dominou prémios Grammy

Adele dominou prémios Grammy

A cantora Adele ganhou cinco prémios Grammy, incluindo de melhor álbum e de melhor canção. Apesar de ter dominado a cerimónia, Adele dedicou os galardões a Beyoncé. Conheça a lista de vencedores que inclui um português.
Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters
Negócios com Lusa 13 de fevereiro de 2017 às 09:55

Pela sua segunda vez, a cantora Adele levou para casa os galardões das três principais categorias dos Grammy’s: melhor álbum ("25"), melhor gravação e melhor canção do ano (por "Hello"). Foi a primeira vez que uma artista alcançou este feito.

 

Mas os prémios da cantora britânica não ficaram por aqui. Na noite de domingo, Adele subiu mais duas vezes ao palco do teatro Microsoft de Los Angeles, EUA, para receber os prémios de melhor performance a solo e melhor pop a solo.

 

Beyoncé ganhou os prémios de melhor álbum urbano contemporâneo (por "Lemonade") e de melhor vídeo de música com "Formation". Mas, a par com Adele, dominou a cerimónia.
 

Apesar de não ter ganho nenhum dos galardões das principais categorias, a cantora Adele dedicou os seus prémios a Beyoncé.

"Beyoncé, adoro-te, emocionas a minha alma todos os dias desde os meus 17 anos. Quero que sejas a minha mãe", disse a cantora, citada pela Lusa.

 

A 59.º edição dos Grammy's ficou também marcada pela homenagem a David Bowie, que falaceu em Janeiro de 2016. A Academia Nacional de Artes de Gravação e Ciência dos Estados Unidos distinguiu o cantor com quatro prémios: melhor actuação rock, melhor álbum de música alternativa, melhor design de capa de disco e melhor álbum de música clássica, todos pelo seu último disco "Blackstar".

 

Prince e George Michael foram os outros artistas homenageados durante a cerimónia.

 

O produtor português André Allen Anjos também foi distinguido, tendo vencido na categoria de melhor gravação remisturada com o tema "Tearing me up", de Bob Moses.

 

Esta foi a segunda vez que André Allen Anjos, um dos fundadores do Remix Artist Collective, foi nomeado para os Grammy

 

 

Lista dos vencedores da 59.º edição dos Grammy:
 

Álbum do ano: "25", Adele.

 

Gravação do ano: "Hello", Adele.

 

Revelação do ano: Chance the Rapper.

 

Melhor canção do ano (prémio compositor): "Hello", Adele e Greg Kurstin.

 

Melhor performance pop a solo: "Hello," Adele.

 

Melhor álbum pop: "25", Adele.

 

Melhor álbum pop tradicional: "Summertime: Willie Nelson Sings Gershwin", Willie Nelson.

 

Melhor performance duo ou grupo pop: "Stressed Out", Twenty One Pilots.

 

Melhor álbum de dança/eletrónico: "Skin", Flume.

 

Melhor canção rock: "Blackstar", David Bowie.

 

Melhor álbum rock: "Tell Me I'm Pretty", Cage the Elephant.

 

Melhor álbum de música alternativa: "Blackstar", David Bowie.

 

Melhor álbum R&B: "Lalah Hathaway Live", Lalah Hathaway.

 

Melhor álbum urbano contemporâneo: "Lemonade," Beyoncé.

 

Melhor álbum rap: "Coloring Book", Chance the Rapper.

 

Melhor álbum country: "A Sailor's Guide to Earth", Sturgill Simpson.

 

Melhor performance country a solo: "My Church", Maren Morris.

 

Melhor álbum jazz vocal: "Take Me to the Alley", Gregory Porter.

 

Melhor álbum jazz instrumental: "Country for Old Men", John Scofield.

 

Melhor compilação de banda sonora para visual media: "Miles Ahead", Miles Davis & vários artistas

 

Produtor do ano, não clássico: Greg Kurstin.

 

Melhor vídeo de música: "Formation", Beyoncé.


A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub
pub
pub
pub