Desporto Apostas no jogo Feirense-Rio Ave foram alvo de alerta europeu

Apostas no jogo Feirense-Rio Ave foram alvo de alerta europeu

O regulador do sector em Portugal está a investigar eventuais irregularidades, revelando que também noutros países houve alertas sobre o mesmo desafio.
Apostas no jogo Feirense-Rio Ave foram alvo de alerta europeu
DR
Tiago Freire 08 de fevereiro de 2017 às 11:30
As autoridades nacionais estão a investigar eventuais irregularidades nas apostas relativas ao jogo Feirense - Rio Ave, do último fim de semana, tendo inclusivamente havido alertas europeus sobre o dossier.

De acordo com um comunicado do Serviço de Regulação e Inspecção de Jogos (SRIJ) - que funciona na dependência do Turismo de Portugal - a entidade, "tendo tomado conhecimento de suspeitas de irregularidades sobre as apostas desportivas sobre o jogo entre o Feirense e o Rio Ave, previamente à realização do jogo, notificou as entidades exploradoras para retirarem esta competição das respetivas listas de eventos sujeitos a aposta. Esta decisão foi igualmente transmitida à Liga Portuguesa de Futebol".

O documento acrescenta ainda uma informação nova, o aparente alcance europeu da questão. "O SRIJ está agora a averiguar em detalhe o ocorrido nas apostas efetuadas naquele jogo, tendo inclusive estabelecido contactos com outros reguladores europeus que também alertaram para esta situação", pode ler-se no comunicado.

Foi noticiado que na origem das suspeitas estaria uma grande aposta feita na Póvoa do Varzim, na tarde antes do jogo, através do jogo da Santa Casa, Placard. Fonte oficial dos Jogos Santa Casa explicou ao Negócios que "não há aposta concreta, houve, sim, um volume atípico de apostas" que fizeram levantar o alerta.

A mesma fonte acrescenta ainda que "todas as apostas com direito a prémio que tenham sido efetuadas até ao momento da suspensão das apostas no referido jogo serão pagas como habitualmente".

As apostas relativas ao jogo em causa foram suspensas no Placard e nas plataformas online habilitadas a exercer actividade em Portugal, a Betclic e a Bet.pt.



A sua opinião5
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

...os importadores chineses da Povoa vivem muito da fuga ao fisco grande parte das importações de mercadorias não são declaradas por isso vêsse muitos deles no Casino da Povoa ... aposta de 100 mil euros por um cidadão chinês não é muito de admirar é a gota de àgua no Oceano da corrupção...

Anónimo Há 2 semanas

Tretas o volume pouco habitual está relacionado isso sim com a elevada probabilidade dessa aposta dar prejuizo pois alguém cometeu um erro nas odds. Depois de terem as apostas lá dentro é possível saber a probabilidade de lucro ou prejuizo. Qdo dá prejuizo fecham a aposta. Tb quero um negocio assim

Mr.Tuga Há 3 semanas

Não percebo a treta da polemica e o CDS a meter o bedelho....

A SCML actou BEM, ponto!

Johnny Há 3 semanas

Conheço gajos, metrossexuais de barbinha de 5 dias e calcinhas bem vincadinhas que estoiram mais de metade dos ordenados nessas c.gadas de jogos online.
Quase com 40 aninhos, já sonham em meter a pilinha no buraquinho das namoradas mas ainda vivem com as mãezinhas que lhes dobram o pijaminha e lhes lavam o rabinho.
"Isto está mal... não há dinheiro... ah e tal... "buga" aí apostar"

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub