Tecnologias É oficial: Apple apresenta iPhone X

É oficial: Apple apresenta iPhone X

A nova versão do AppleWatch, televisão em 4K e HDR e os iPhone 8 e 8Plus foram alguns dos produtos já apresentados na apresentação da Apple que arrancou com uma homenagem ao fundador da tecnológica Steve Jobs.
Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Bloomberg Bloomberg Bloomberg Reuters Bloomberg Bloomberg Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters
Sara Ribeiro 12 de setembro de 2017 às 18:20

Tim Cook, presidente executivo da Apple, garante que esta terça-feira, 12 de Setembro, serão apresentados "produtos incríveis". A afirmação foi feita no arranque da conferência que está a decorrer no anfiteatro Steve Jobs no Apple Park, a nova sede da tecnológica que abriu  portas ao público pela primeira vez, e que começou a ser desenvolvida por Steve Jobs.

O evento abriu com um discurso antigo de Steve Jobs, onde o fundador da Apple falava da filosofia da Apple, que consistia em ser "simples" e "verdadeira com ela própria". E os primeiros minutos do discurso de Tim Cook foram dedicados a Steve Jobs.

"Adoro ouvir a sua voz e a sua mensagem inspiradora", começou por dizer o actual presidente executivo da Apple. "O Steve devia inaugurar este anfiteatro. Ele significa tanto para mim e para todos nós.O Steve era um génio", referiu.

"Não há um dia em que não pensemos nele. A filosofia de vida do Steve será sempre o ADN da Apple", acrescentou, enquanto no ecrã atrás de Tim Cook passavam várias imagens de Steve Jobs, incluindo da conferência onde a apresentou o primeiro iPhone, em Janeiro de 2007.


A nova versão do Apple Watch foi o primeiro produto apresentado por Tim Cook no evento onde é esperado que sejam apresentados três novos modelos do iPhone.

Tim Cook aproveitou para anunciar que o relógio inteligente é já o mais vendido no mundo, tendo depois passado um filme onde os utilizadores do Apple Watch explicavam a porque gostam tanto do produto.

O novo Apple Watch vai permitir controlar o batimento cardíaco em movimento e em descanso e alertar os utilizadores caso tenham um ritmo irregular.

A nova versão vai estar à venda a partir de 19 de Setembro e a terceira série deste produto vai funcionar individualmente, ou seja, sem ser necessário ligação ao smartphone. Incluindo na realização de chamadas telefónicas.

O processador do novo relógio é 70% mais rápido e, segundo a Apple, tem uma melhoria da bateria de 50%. A nova versão também via ter ligação directa ao leitor de música e a airpods (phones sem fios).

A nova geração do Apple Watch vai estar disponível em ter versões, e a mais barata vai custar 399 dólares.

O segundo anúncio do evento foi o lançamento da Apple TV com resolução 4K e HDR.

A Apple anunciou ainda que tem falado com os grandes produtores de conteúdos, como a Netflix e a HBO, e que os filmes em 4K e HDR vão ter o mesmo preço do que os conteúdos em HD.

A tecnológica vai também expandir o serviço de televisão a mais mercados este ano, entre os quais Canada, Austrália, Reino Unidos e frança.

A nova geração do iPhone

Por fim, Tim Cook apresentou o produto mais esperado do evento: a nova versão do iPhone, que este celebra uma década.


"Nos últimos 10 anos reinventámos inúmeras tecnologias para criar experiências inovadoras", através do iPhone, começou por dizer Tim Cook, aproveitando para fazer o balanço dos últimos 10 anos de vida do smartphone criado por Steve Jobs.

"Com a Siri, utilizámos a inteligência artificial para tornar a nossa voz mais poderosa. A última década, com inovação atrás de inovação, trouxe-nos a este momento.Temos notícias gigantes sobre o iPhone hoje", comentou, passando depois a apresentar o iPhone 8 e 8 Plus.

Os iPhone 8 vão ter um novo processador, o A11 Bionic, e dupla câmara com 12 megapixéis. Para exemplificar a melhoria da qualidade da imagem, a Apple mostra várias fotografias, incluindo de Lisboa. A ponte 25 de Abril foi um dos cenários escolhidos.

Os novos membros da família iPhone estão também equipados para suportar a tecnologia de realidade aumentada, utilizada principalmente em jogos.

O iPhone 8 vai te rum preço a partir de 699 dólares e o 8 Plus de 799. As pré-encomendas arrancam a 15 de Setembro estando os dispositivos à venda a partir de dia 22 do mesmo mês.

Tim Cook apresenta o tão aguardado iPhone X (lendo-se "ten", dez em inglês), nome escolhido em alusão aos dez anos do smartphone.

O iPhone X tem um ecrã OLED de 5,8 polegadas, como já era esperado.E, também como já tinha sido divulgado, não tem o botão "home", que tem integrado todos os modelos desde que o iPhone foi lançado em 2007.

O smartphone vai ter um ecrã que ocupa a maioria do ecrã frontal e terá reconhecimento facial (FaceID). O smartphone bloqueia ou desbloqueia quando o utilizador olha para o iPhone. E funciona de dia e de noite.

O faceID vai poder ser utilizado também como autenticação para compras online.

Phill Schiller, vice-presidente de marketing, garante que a tecnologia Face ID é segura, e que segundo os testes que fizeram, só não funcionou uma vez em cada milhão de tentativas.

O iPhone X, equipado com o novo iOS 11, também vai passar a dispor de uma tecnologia que permite criar emoji em 3D, os Animoji como a Apple apelidou. Os emoji podem ser controlados através do reconhecimento facial, passando a conter as expressões que o utilizador fizer com o seu rosto.


Tal como o iPhone 8, o X tem duas câmaras de 12 megapixéis e permite carregamento sem fios. E uma das novidades face ao iPhone 7, é que a bateria dura mais duas horas.


O iPhone X vai estar disponível para pré-encomendas a 27 de Outubro e à venda a partir de 3 de Novembro. O preço começa  nos 999 dólares.


Tim Cook terminou a conferência sublinhando que o iPhone X "é mesmo o futuro dos smartphones". "Começámos com palavras inspiradoras do Steve", recordou, acrescentado que espera "que gostem do que apresentámos. Acho que o Steve estaria muito orgulhoso [do que apresentámos], concluiu.


(Notícia actualizada às 19:57)



A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo Há 1 semana

Nada de Novo uns autênticos tiros nos pés e caríssimos
Olhem bem para um Samsung Note 8 e comparem !
estão no bom caminho
O Smartwatch continua feio e é relógio de gaja a box já existe disso aos montes e mais barata.

comentários mais recentes
Cona(n) Há 1 semana

Mais de 1000 euros por um telefone normalíssimo... Vou já comprar meia dúzia. Vou à CGD pedir o dinheiro e depois dou o calote. Será que este truque já está muito batido? Será que ainda pega? Alguém vai pagar por mim, a CGD nunca perde;););)

Johnny Há 1 semana

HOJE A DIVIDA PUBLICA DOS EUA ATINGIU O MONTANTE ASTRONOMICO DE 20 TRILIÕES DE DOLARES E NÃO FOI NOTICIA EM LADO NENHUM ! OS MEDIA ESTÃO COMPLETAMENTE MANIPULADOS !
ITS 2008 ALL OVER !

Anónimo Há 1 semana

Nada de Novo uns autênticos tiros nos pés e caríssimos
Olhem bem para um Samsung Note 8 e comparem !
estão no bom caminho
O Smartwatch continua feio e é relógio de gaja a box já existe disso aos montes e mais barata.

pub