Automóvel Autoeuropa vai produzir mais de 800 unidades por dia pela primeira vez

Autoeuropa vai produzir mais de 800 unidades por dia pela primeira vez

Ao longo desta semana, a Autoeuropa vai produzir mais de 800 unidades por dia, algo que nunca tinha acontecido na fábrica de Palmela. Este reforço da produção deve-se ao modelo T-Roc.
Negócios 21 de novembro de 2017 às 15:56

A Autoeuropa revelou esta terça-feira, 21 de Novembro, que ao longo da semana em curso irá produzir mais de 800 unidades por dia, um volume de produção nunca registado na fábrica da Volkswagen de Palmela.

 

Em nota enviada à imprensa, a Autoeuropa nota que serão produzidas mais de 800 unidades "pela primeira vez na história" desta unidade de produção, um "marco que simboliza a nova fase de desenvolvimento da empresa.

 

Este aumento da produção fica sobretudo a dever-se ao modelo T-Roc, que "já é o carro mais produzido diariamente" fábrica de Palmela, refere a Autoeuropa. O T-Roc "assume-se como o pilar da sustentabilidade da Volkswagen Autoeuropa", acrescenta a empresa.

 

A produção deste modelo SUV faz com que a fábrica de Palmela deixe de ser designada como a "fábrica dos MPV" (monovolume) para passar a ser identificada como a "fábrica dos SUV".

 

No final de Outubro arrancou o terceiro turno de produção do T-Roc por forma a assegurar "o reforço da actividade da empresa" que desde Janeiro deste ano já contratou "cerca de 2 mil novos colaboradores".


Esta semana também assinalou o início da comercialização do T-Roc no mercado português. A produção deste SUV "made in Portugal" contribuiu para que a produção automóvel quase duplicasse em Outubro.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 3 semanas

Quem é que não queria trabalhar ? Dêem condições aos trabalhadores que não se importam trabalhar sábados e domingos desde que sejam acautelados os interesses de quem trabalha .A DIREITALHA AONDE ESTÁ ? FUGIU?

Saber mais e Alertas
pub