Banca & Finanças BCP e Fosun apanhados de surpresa com saída do Sabadell
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

BCP e Fosun apanhados de surpresa com saída do Sabadell

O Sabadell vai sair do BCP. A posição de 4,1%, avaliada em cerca de 50 milhões de euros, é vendida após a entrada da Fosun.
BCP e Fosun apanhados de surpresa com saída do Sabadell
Bruno Simões

O Banco Comercial Português (BCP) foi apanhado de surpresa com a saída do espanhol Sabadell do seu capital, sabe o Negócios. A nova maior accionista, a Fosun, também. A posição de 4,1% foi posta à venda )

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado gatogato 12.12.2016

É natural. Ter como parceiros angolanos e chineses não se recomenda...

comentários mais recentes
Anónimo 15.12.2016

até os Espanhois deixaram de ter pachorra para aturar esta camada de incompetentes, e vigaristas, se o banco precisava de mais capital iam ao mercado e jogavam á maneira de se libertar do estado, se não conseguissem iam por outros meios, garotos roubaram tudo a quem confiou no garoto incompetente.

Anónimo 12.12.2016

Os chineses até ficaram com os olhos em bico e não sabem no buraco em que se meteram.
Quanto aos espanhóis, fartaram-se de derreter dinheiro, tal como os BCPatos.
Mais uma vez pergunto:
-Que anda lá a fazer o representante do Estado? Certamente que não está a salvaguardar os interesses do Estado.
Para já são 750.000 € pelos quais os contribuintes são responsáveis.

gatogato 12.12.2016

É natural. Ter como parceiros angolanos e chineses não se recomenda...

Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
Saber mais e Alertas
pub