Banca & Finanças BEI assina empréstimos com a CGD, BCP e Santander para apoiar PME

BEI assina empréstimos com a CGD, BCP e Santander para apoiar PME

O Banco Europeu de Investimento concedeu empréstimos de 150 milhões de euros à CGD e ao Santander e 250 milhões ao BCP para financiar projectos de PME e empresas de média capitalização portuguesas.
BEI assina empréstimos com a CGD, BCP e Santander para apoiar PME
Negócios 29 de junho de 2017 às 12:41

O Banco Europeu de Investimento (BEI) assinou esta quinta-feira, 29 de Junho, contratos de financiamento com a Caixa Geral de Depósitos, o BCP e o Santander para facilitar o apoio de projectos de investimento de pequena e média dimensão realizados por PME e empresas de média capitalização portuguesas.

No caso da Caixa Geral de Depósitos, trata-se de um financiamento de 150 milhões de euros, que corresponde à primeira tranche de um empréstimo total de 300 milhões de euros.

 

Os 150 milhões de euros garantidos pelo BEI permitirão o financiamento de projectos individuais de até 12,5 milhões de euros para PME e de até 25 milhões de euros para empresas de média capitalização.

 

Em comunicado, o BEI explica que parte do empréstimo destina-se ainda a apoiar projectos de entidades públicas e de outros promotores em sectores como a saúde, a educação e a energia, bem como a financiar instalações de serviços públicos.

 

Os 300 milhões de euros serão complementados por um financiamento de igual montante concedido pelo banco público e destinado a projectos específicos. De acordo com o comunicado, a CGD transferirá para os beneficiários finais as vantagens do financiamento do BEI, tanto em termos de maturidades como de taxas de juro.

 

No caso que respeita ao Santander, trata-se de um empréstimo de 150 milhões de euros, correspondente à última tranche de um empréstimo intermediado, no montante total de 500 milhões de euros. A primeira e a segunda tranches foram assinadas em Novembro de 2015 e em Dezembro de 2016, respectivamente, tendo proporcionado financiamento a mais de 2.000 empresas e projetos diferentes em Portugal. 

Já ao BCP, o BEI concedeu um empréstimo de 250 milhões de euros, a primeira tranche de um empréstimo total de 500 milhões de euros. Nos termos do contrato assinado esta quinta-feira, o BCP compromete-se a complementar o empréstimo do BEI com, pelo menos, o mesmo montante em benefício das PME e empresas de média capitalização. Assim, o BCP disponibilizará um total de mil milhões de euros para financiar os seus projectos de investimento.

 

Em 2016, o Grupo BEI concedeu o montante de 33.600 milhões de euros às pequenas empresas, beneficiando 300.000 empresas em toda a Europa. Em Portugal, o BEI assinou contratos de empréstimo no total de 1.780 milhões de euros, incluindo 1.196 milhões de euros que permitiram apoiar mais de 8.200 PME portuguesas.

(Notícia actualizada às 17:09 com informações sobre o empréstimo ao BCP)




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub