Web Summit Bilhetes promocionais para o Web Summit estão a ser vendidos no Facebook a quem der mais

Bilhetes promocionais para o Web Summit estão a ser vendidos no Facebook a quem der mais

Os bilhetes promocionais para o Web Summit que foram vendidos a nove euros, 1% do valor habitual, e se destinam a ser usados por jovens entre os 16 e 23 anos estão a ser vendidos no Facebook à melhor oferta.
Bilhetes promocionais para o Web Summit estão a ser vendidos no Facebook a quem der mais
Lusa 02 de Novembro de 2016 às 18:05

A maior parte dos anúncios, que estão a ser divulgados através de um grupo de trocas e vendas de bilhetes, não especifica um valor, já que os vendedores preferem entrar em contacto com os compradores por mensagem privada.

 

Mas alguns deles colocam o valor a que pretendem vender os bilhetes, obtidos por sorteio, com os mais baratos a custarem 50 euros e os bilhetes duplos mais caros a atingirem os 400 euros.

 

Outros anunciantes optam por vender os "códigos promocionais", há quem se desfaça dos bilhetes pela "melhor oferta" e quem adiante desde logo que o preço é "negociável".

 

Alguns membros deste grupo já alertaram para o procedimento dos vendedores, lembrando que os ingressos foram "obtidos através de uma parceria entre o Governo português e a organização do Web Summit".

 

"Este 'oportunismo' sujo e doentio é ainda mais doentio quando percebemos que são jovens desta faixa etária que estão a vender estes bilhetes", critica um utilizador.

 

Um outro utilizador lembra que "é ilegal vender bilhetes acima do preço de tabela" e alguns apelam para denúncias junto da ASAE - Autoridade de Segurança Alimentar e Económica e das autoridades policiais.

 

A iniciativa "Inspire Portugal" lançada duas semanas antes da Web Summit pelo promotor do evento, Paddy Cosgrave e pelo primeiro-ministro, António Costa, envolveu a atribuição de cerca de seis mil bilhetes a jovens com idades compreendidas entre os 16 e os 23 anos, a um custo de nove euros.

 

Para acederem aos ingressos, os jovens tinham de se inscrever no 'site' do Web Summit, sendo distribuídos cerca de dois mil bilhetes por dia.

 

A agência Lusa contactou a organização da Web Summit para obter um comentário sobre a venda destes bilhetes, o que não foi possível até ao momento.

 

A Web Summit, que se realiza entre 7 e 10 de Novembro, é uma conferência global de tecnologia, que se transferiu de Dublin para Lisboa e na qual são esperados 50.000 participantes de mais de 150 países, incluindo mais de 20 mil empresas, sete mil presidente executivos e dois mil jornalistas internacionais.




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
carf2007 Há 4 semanas

É só imprimir nos bilhete o nome e nº do CC do vencedor e que é intransmissível.
Simples!

Anónimo Há 4 semanas

Sempre que o Estado subsidia há corrupção (real ou ética). É difícil de entender? É preciso acabar com os subsídios porque exaurem os cofres públicos e vão parar às mãos indevidas. Os Portugueses são peritos.

pub
pub
pub
pub