Tecnologias Bill Gates doa quase 4.000 milhões em acções para beneficência

Bill Gates doa quase 4.000 milhões em acções para beneficência

É a maior doação em quase 20 anos feita pelo homem mais rico do mundo e, embora não tenha sido indicado o beneficiário, crê-se que será a fundação de cariz social que leva o seu nome e o da mulher.
Bill Gates doa quase 4.000 milhões em acções para beneficência
Bloomberg
Negócios com Bloomberg 15 de agosto de 2017 às 12:24
O fundador da Microsoft fez a sua maior doação para fins de beneficência em quase 20 anos, ao entregar parte das acções que detém na gigante tecnológica e que correspondem a 5% da sua riqueza pessoal, a maior a nível mundial.

A entrega remonta ao início de Junho, quando o multimilionário depositou 64 milhões de títulos (mais de um terço das acções que tem em carteira) provavelmente nas mãos de instituições de caridade, entre as quais a Bill & Melinda Gates Foundation, fundação que leva o seu nome e o da sua mulher. 

As acções tinham, de acordo com a Bloomberg, um valor de 4.600 milhões de dólares (3.910 milhões de euros à cotação actual) a 6 de Junho, data da doação a um beneficiário cujo nome não foi revelado. Bill Gates tem feito a maioria das suas doações à fundação apadrinhada pelo casal e esta é a maior doação ocorrida desde 2000.

Desde 1994, o casal já doou cerca de 35 mil milhões de dólares em dinheiro e acções, que hoje estariam avaliadas em 50 mil milhões de dólares. O número de títulos doados terá ascendido a mais de 700 milhões. Depois das transferências e vendas, a posição de Gates na Microsoft está agora avaliada em 1,3%.

Gates continua a ser o homem mais rico do mundo, mesmo depois da doação, cuja fortuna é avaliada pelo índice de multimilionários da Bloomberg em 86.100 milhões de dólares (73.271 milhões de euros à cotação actual).



A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
cincoassim Há 1 semana

Já alguêm parou e pensou o seguinte: este sujeito doa milhares de milhões anualmente, mas como continua a estar sempre no top dos mais ricos.? A resposta é simples: as doações que ele faz, revertem sempre para as empresas participadas por ele e com lucro! Portanto este senhor e a sua esposa não são os beneméritos que querem fazer parecer. Um dos casos que me recordo, foi na India, sob este tipo de acção, em que foram administradas vacinas experimentais em crianças, algumas das quais morreram. E é claro, a farmacéutica que o fez, é também parte do negócio do Bill Gates. Está tudo na net, mas sobre isto os jornalistas não falam...

pub