Tecnologias Blackberry lança último smartphone de fabrico próprio

Blackberry lança último smartphone de fabrico próprio

O DTEK60 é o último modelo fabricado exclusivamente pela marca. A partir de agora, a Blackberry recorrerá a terceiros para o design, produção e distribuição de novos produtos.
Blackberry lança último smartphone de fabrico próprio
Reuters
Negócios 25 de Outubro de 2016 às 16:14
Quando chegar às prateleiras das lojas, o DTEK60 marca o fim da linha nos smartphones fabricados pela Blackberry, depois de John Chen, director-executivo, ter anunciado no mês passado que a empresa interromperá a produção própria daqueles aparelhos, licenciando a marca a outros fabricantes.

Quando Chen chegou à liderança da Blackberry, há mais de três anos, o próprio tinha anunciado que a empresa passaria a focar-se no desenvolvimento de software.

O Wall Street Journal sublinha a queda nas vendas da Blackberry. A empresa vendeu no segundo trimestre 400 mil aparelhos, abaixo dos 500 mil vendidos no primeiro trimestre e dos 600 mil vendidos no trimestre anterior. A receita no segundo trimestre fiscal ficou-se pelos 334 milhões de dólares (307 milhões de euros à cotação actual), 32% mais baixo que em período homólogo.

De acordo com a Bloomberg, a Blackberry encontra-se actualmente a trabalhar em negócios de licenciamento com outros fabricantes. Apesar de estar a negociar com países como a China e a Índia, a empresa de tecnologia ainda só conseguiu um contrato com um consórcio de telecomunicações na Indonésia.

Marty Beard, director de operações, revela que os acordos de licenciamento poderão ir para além de smartphones. "Não nos restringimos apenas aos telefones", afirma. Beard acrescenta ainda a existência de outros segmentos onde a gestão e o desenvolvimento de software podem ser úteis.

A Blackberry também tem apostado na área de software de segurança para equipamentos que comuniquem através da Internet, pelo que no futuro poderão ser comercializados aparelhos de outras marcas com software desenvolvido pela empresa liderada por Chen.

O novo smartphone da Blackberry, com software Android, consiste num aparelho com um ecrã de 5,5 polegadas, concorrendo com os recentes iPhone 7 Plus e Google Pixel XL e apresentando um preço mais baixo que os concorrentes. À semelhança do modelo anterior, o novo já foi parcialmente concebido pelo fabricante electrónico chinês TLC Corp.

As acções da Blackberry caem 1,02 % para 7,28 dólares em Nova Iorque.



A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub
pub
pub
pub