BPI recorre à ajuda estatal para recapitalização de 1,5 mil milhões
04 Junho 2012, 08:11 por Edgar Caetano | edgarcaetano@negocios.pt
Enviar por email
Reportar erro
0
Banco vai emitir obrigações de conversão contingente ("coco bonds") no valor de 1.300 milhões, além de um aumento de capital de 200 milhões de euros.
Banco vai emitir obrigações de conversão contingente ("coco bonds") no valor de 1.300 milhões, além de um aumento de capital de 200 milhões de euros.

O plano de recapitalização do BPI ascende a 1.500 milhões de euros e compreende um aumento de capital de 200 milhões de euros, com direito de preferência dos accionistas, e a emissão de instrumentos de dívida elegíveis para fundos próprios, subscritos pelo Estado, no montante de 1.300 milhões de euros, informou o banco.

"O plano de recapitalização inclui a subscrição pelo Estado, em 29 de Junho de 2012, de instrumentos de dívida elegíveis para fundos próprios "core tier one" (obrigações de conversão contingente), no montante de 1.500 milhões de euros, que será reduzido para 1.300 milhões de euros logo após a realização do aumento de capital", refere o banco em comunicado à CMVM.

O plano prevê que os instrumentos sejam reembolsados pelo BPI no prazo de cinco anos.

Já o aumento de capital do banco, que será realizado até 30 de Setembro de 2012, passará pela emissão de novas acções no valor total de 200 milhões de euros, com direito de preferência dos accionistas do BPI.

(Notícia em actualização)
Enviar por email
Reportar erro
0
pesquisaPor tags:
alertasPor palavra-chave: