Telecomunicações BT vai cortar 4.000 empregos e diminuir as expectativas para o dividendo

BT vai cortar 4.000 empregos e diminuir as expectativas para o dividendo

A britânica BT revelou que vai cortar quatro mil postos de trabalho na sua unidade de serviços globais e vai proceder a uma redução da ambição de crescimento dos dividendos pagos.
BT vai cortar 4.000 empregos e diminuir as expectativas para o dividendo
Reuters
Ana Laranjeiro 11 de maio de 2017 às 11:18

A empresa de telecomunicações britânica BT revelou esta quinta-feira, 11 de Maio, que vai proceder a um corte de postos de trabalho na unidade de serviços globais. Esta redução vai ascender a quatro mil postos de trabalho, de acordo com a Reuters. Mas as medidas anunciadas não se ficam por aqui. A companhia reduziu as ambições de crescimento para o dividendo pago aos accionistas.

Estas medidas têm como objectivo permitir à empresa recuperar do escândalo em que a empresa foi envolvida, após terem surgido notícias que davam conta que a unidade italiana da BT estava a ser alvo de uma investigação criminal por parte das autoridades italianas, depois de terem sido identificadas irregularidades contabilísticas. Além disso, o trabalho executado pela companhia para governos diminuiu. O que, em conjunto com as notícias da investigação em Itália, levaram a uma queda acentuada das acções e retirou-lhe milhões de libras à sua capitalização bolsista, de acordo com a Reuters.


O grupo classificou 2017 como um ano "de desafios", depois de ter apresentado as receitas relativas ao quarto trimestre. Neste período a BT teve receitas de 6,12 mil milhões de libras (mais de 7,2 mil milhões de euros no câmbio actual).


Os cortes de postos de trabalho vão incidir sobretudo na área de gestão e de backoffice. E vão ser realizados no âmbito de uma reestruturação que visa simplificar o negócio, avançou a empresa, citada pela agência de informação. Com as mudanças na unidade de serviços globais, que vão custar 300 milhões de libras (357 milhões de euros), a empresa espera melhorar o desempenho económico e o valor de longo prazo da BT.


Por esta altura, as acções da BT descem 3,30% na bolsa de Londres para 301,60 pence. Desde o início do ano, a empresa perde já 17,78%. E conta com uma capitalização bolsista superior a 30.045 milhões de libras.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub
pub
pub
pub