Banca & Finanças Caixa acumulou prejuízos de 3.900 milhões desde 2011

Caixa acumulou prejuízos de 3.900 milhões desde 2011

Nos últimos seis anos, a Caixa acumulou prejuízos de quase 3.900 milhões. Quase metade das perdas foi registada no ano passado. Foram 1.900 milhões, valor apenas ultrapassado pelo BES “mau” em 2014. Nos primeiros quatro anos do mesmo período, o BCP acumulou perdas de 3.035 milhões.
Caixa acumulou prejuízos de 3.900 milhões desde 2011
Maria João Gago 10 de março de 2017 às 16:03

A Caixa Geral de Depósitos acumulou prejuízos de quase 3.900 milhões de euros nos últimos seis anos. Desde 2011, que o banco do Estado tem apresentado resultados negativos, num valor total de 3.881 milhões, dos quais quase metade diz respeito ao ano passado, cujos valores finais são anunciados esta sexta-feira, 10 de Março.

 

Só em 2016, a CGD registou perdas de 1.900 milhões de euros, o valor mais alto da história da instituição pública e o segundo montante mais elevado de prejuízos alguma vez registado por um grande banco português. Apenas o BES "mau" superou este valor anual de prejuízos, quando fechou 2014, ano em que foi alvo de uma medida de resolução, com resultados negativos de quase 9.200 milhões.

 

Antes do ano passado, o maior prejuízo da Caixa foi registado em 2013, ano em que as perdas anuais ascenderam a 579 milhões. Já o exercício com menores resultados negativos ocorreu em 2015, ano em que as perdas se ficaram pelos 171 milhões.

 

BCP com prejuízos de 3.035 milhões em quatro anos

 

Na comparação com o BCP, o maior banco privado, a Caixa sai penalizada. O banco público registou prejuízos nos últimos seis anos, num total de quase 3.800 milhões. Já a instituição liderada por Nuno Amado teve resultados negativos nos primeiros quatro anos deste período, acumulando perdas de 3.035 milhões entre 2011 e 2014.

 

Já nos últimos dois exercícios, o BCP conseguiu ficar acima do vermelho. Em 2015, teve lucros de 235 milhões, valor que caiu para um décimo no ano passado, em que os resultados se ficaram pelos 23,9 milhões. Se se deduzirem estes lucros aos prejuízos acumulados nos primeiros quatro anos, no período em que a Caixa perdeu quase 3.900 milhões, os resultados acumulados pelo BCP foram de quase 2.800 milhões negativos.

 

Nos quatro anos em que o BCP esteve no vermelho, o pior desempenho aconteceu em 2011, ano em que os prejuízos totalizaram 1.219 milhões. Já o ano menos penalizado foi o de 2014, exercício em que as perdas se fixaram em 227 milhões.

A sua opinião11
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
suiriri 10.03.2017

A CGD perde 3.900 mihões desde 2011? E quem estava no governo? Pois mas o importante são os SMS´s....

Anónimo 10.03.2017

Want to optimsie Site [url=http://postrss.com]RSS[/url] - Post RSS Feed to Facebook Group ?.

Anónimo 10.03.2017

Acumulou prejuízos desde 2011 porque antes só tinha lucros?E agora vamos injectar 3 900 milhões de euros para os políticos,gestores da CGD brincarem mais uns anos.Depois logo se vê,porque os devedores,grandes ou pequenos, jamais pagam e ninguém os obriga.Só quem é tonto paga as dívidas neste país.

Anónimo 10.03.2017

Mas onde é que está escrito que esta maltinha não é elegível para requerer o Rendimento Social de Inserção, vulgo RSI?

ver mais comentários
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub