Banca & Finanças Caixa apresenta prejuízos recorde esta sexta-feira

Caixa apresenta prejuízos recorde esta sexta-feira

A Caixa Geral de Depósitos apresenta os resultados de 2016 esta sexta-feira, que deverão evidenciar prejuízos recorde de cerca de 3.000 milhões. A conferência de imprensa servirá ainda para fazer o ponto da situação sobre o plano de recapitalização do banco do Estado.
Caixa apresenta prejuízos recorde esta sexta-feira
Miguel Baltazar/Negócios

Os resultados da Caixa Geral de Depósitos relativos a 2016 são apresentados pela equipa de Paulo Macedo esta sexta-feira, 10 de Março, em conferência de imprensa, às 17:30, em Lisboa. Os números do ano passado deverão corresponder a um prejuízo recorde de cerca de 3.000 milhões, de acordo com o plano de negócios apresentado em Bruxelas no âmbito do plano de recapitalização do banco do Estado.

 

De acordo com a convocatória que acaba de ser enviada às redacções, a apresentação de resultados servirá ainda para fazer o "ponto de situação do plano de recapitalização da Caixa" que, no total, ascende a 5.145 milhões de euros. Deste valor, já foi concretizado um aumento de capital em espécie no valor de 1.445 milhões, através da conversão em acções de "CoCos" subscritos pelo Estado e da entrega à CGD de 49% da Parcaixa que estava na Parpública.

 

O plano de capitalização prevê ainda a injecção de 2.700 milhões de dinheiro fresco e a emissão de 1.000 milhões de divide perpétua, a colocar junto de investidores privados. A primeira parte desta emissão (500 milhões) terá de ocorrer já, em paralelo ao aumento de capital, enquanto os restantes 500 milhões terão ser concretizados no prazo de 18 meses.

 

De acordo com o plano de negócios que o anterior presidente da Caixa, António Domingues, apresentou em Bruxelas, a instituição terá registado prejuízos de cerca de 3.000 milhões no ano passado, devido à necessidade de registar imparidades para malparado e outros activos num valor que, em termos brutos, terá superado os 3.000 milhões.

A sua opinião29
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 10.03.2017

Outro BES.

comentários mais recentes
Anónimo 10.03.2017

Outro BES.

Ventura Santos 10.03.2017

O melhor é fazermos como o Trump e pedirmos aos russos ou ao Wikileaks para revelar a tal lista !

Anónimo 09.03.2017

O zé povinho queixa-se, paga, nada faz e ainda tem inteligência de mandar bitaites que é a culpa do PS PSD CDS PCP ... Mas inteligência para analisar factos e concluir que foi o PSD PS CDS a roubar a grande enquanto faziam os mais pobres pagar pouco têm.... Continuem a votar em partidos com cadastro

Anónimo 09.03.2017

Ah, pois claro ! E a lista dos devedores ONDE está? Vai ser preciso ver no Wikileaks?
Para o ex-ministro da saude ( e o pseudo-ministro actual) vai uma pergunta: entao para os medicos do SNS que suam a camisola, nao há verbas, nem h.extra (umas duzias deles apenas) nem Carreiras ??
_Neves

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub