Empresas Caixa está à procura de dois administradores

Caixa está à procura de dois administradores

Maria dos Anjos Capote abandonou a administração da CGD para ir para o Tribunal de Contas. Além disso, há ainda uma procura por um 16.º elemento.
Caixa está à procura de dois administradores
Miguel Baltazar/Negócios
Diogo Cavaleiro 27 de outubro de 2017 às 19:00
A Caixa Geral de Depósitos está à procura de dois administradores. Além do 16.º administrador que já tentava contratar, o banco público tem agora para uma vaga por preencher.

"A Caixa Geral de Depósitos, S.A. informa ter formalmente recebido a renúncia da Senhora Dra. Maria dos Anjos Melo Machado Nunes Capote, membro não executivo do conselho de administração da CGD, S.A., eleito para o mandato de 2017-2020, considerando a sua nomeação como juíza conselheira do Tribunal de Contas", indicou o banco público.

Há esta vaga para preencher, mas, além disso, há ainda um outro lugar que está por ocupar para que a equipa de administração conte com 16 elementos.

"Estamos em contactos com potenciais candidatos", respondeu Paulo Macedo quando questionado sobre o tema na conferência de imprensa em que apresentaram prejuízos de 47 milhões de euros nos primeiros nove meses do ano.

A equipa de administração tem, neste momento, 14 administradores, oito deles pertencentes à equipa executiva. O conselho é presidido por Rui Vilar, com a comissão executiva encabeçada por Paulo Macedo.



Saber mais e Alertas
pub