Banca & Finanças Calendário: da OPA à saída de bolsa do Montepio

Calendário: da OPA à saída de bolsa do Montepio

A operação que visa retirar o Montepio da volatilidade do mercado inicia-se esta segunda-feira. Mas não termina já.
Calendário: da OPA à saída de bolsa do Montepio
Pedro Elias/Negócios

14.08.2017
Arranca a OPA
Tem início a oferta pública de aquisição lançada pela Montepio Geral – Associação Mutualista sobre 14,6% do fundo de participação da caixa económica. A associação sob o comando de António Tomás Correia oferece 1 euro por cada unidade de participação do fundo. Ao todo, pode ter de gastar 58 milhões de euros.


08.09.2017
Final da oferta
Até dia 3 de Setembro, os detentores de unidades podem revogar as ordens de venda anteriormente dadas. A operação estende-se até sexta-feira, 8 de Setembro. Na segunda-feira seguinte, 11 de Setembro, são conhecidos os resultados da operação, cuja liquidação física e financeira ocorre a 13.

14.09.2017
Transformação
A mutualista quer, um dia após a liquidação da operação, dirigir-se à Conservatória para proceder ao registo da transformação do Montepio numa sociedade anónima. Aí, a Caixa Económica Montepio Geral passará a ter capital representado por accionistas. A mutualista será a maioritária, mas os titulares de unidades de participação que não tiverem vendido também se tornam accionistas. Enquanto isso, decorre uma ordem permanente de compra das unidades não vendidas e que passaram a ser acções. 


31.10.2017
A Retirada
Após o registo da transformação, o Montepio avança para a perda da qualidade de sociedade aberta. O pedido à CMVM deverá acontecer em Outubro. É o passo para a saída de bolsa do Montepio.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub
pub
pub
pub