Desporto Câmara vende 17% do Braga ao valor mínimo de 200 mil euros

Câmara vende 17% do Braga ao valor mínimo de 200 mil euros

Mais de 17% do capital da SAD do Sporting Clube de Braga mudou de mãos na segunda-feira. Nunca tal tinha acontecido segundo os dados da Bloomberg. Não se sabe quem é o comprador.
Câmara vende 17% do Braga ao valor mínimo de 200 mil euros
Paulo Duarte
Diogo Cavaleiro 01 de Novembro de 2016 às 11:22

Foram negociadas mais de 200 mil acções da SAD do Sporting Clube de Braga num só dia. O volume corresponde a 17% do capital daquela sociedade. É precisamente a participação à venda pela Câmara Municipal de Braga.

 

De acordo com os dados da Bloomberg, 200 mil acções foram alienadas em dois blocos pelas 10:30 de ontem. Primeiro, um de 580, depois outro de 199.420. O que perfaz os 200.000 títulos que estavam nas mãos da câmara liderada pelo social-democrata Ricardo Rio (na foto). Houve, depois, ao longo do dia, mais negociações, com a troca de mais 705 acções. Sempre a 1 euro. 

 

Conforme o Negócios tinha dado conta, o Braga colocou no BPI a autorização para vender aquela participação, com "a data de início da venda das participações a 31 de Outubro, com um período de validade de 30 dias e com o valor mínimo de venda por acção fixado em um euro". A saída da câmara do capital da SAD bracarense deve-se a obrigatoriedade legal (sair do capital era uma solução) e à ideia de que a "câmara municipal não deve ser accionista de SAD", explicou já o presidente.  


A alienação ocorreu mesmo àquele preço mínimo de 1 euro definido pela autarquia depois da decisão da assembleia municipal. Ou seja, por cada acção, a edilidade assume a perda de 4 euros, já que todas foram adquiridas a 5 euros. A câmara regista uma menos-valia de 800 mil euros – a posição tinha sido constituída por 1 milhão de euros e só rendeu, agora, 200 mil euros.

 

Volume mais alto de sempre

 

Evolução das acções e do volume da SAD do Sporting Clube de Braga desde 2001, segundo dados da Bloomberg
Evolução das acções e do volume da SAD do Sporting Clube de Braga desde 2001, segundo dados da Bloomberg



Apesar de os títulos terem sido vendidos abaixo do preço a que foram adquiridos, o valor representa uma subida face à última cotação, de 0,80 euros. Em bolsa, a SAD liderada por António Salvador tem uma negociação muito irregular e muito reduzida. Desde Setembro, e até ontem, não havia qualquer transacção. A troca de 17% do capital em bolsa foi o volume mais alto desde que a Bloomberg tem dados, em 2001. 

O dia a seguir à transacção deste volume está a ser marcado por novas negociações. Trocaram de mãos mais 235 acções, a 1,10 euros cada.

 

Na semana passada, a sociedade apresentou um resultado líquido positivo, na ordem dos 2,12 milhões de euros no último exercício desportivo 2015/2016, findo em Junho, contra prejuízo de 1,3 milhões no ano passado. O activo está fixado em 28 milhões, o passivo em 16 milhões, deixando um capital próprio de 12 milhões de euros. 










A sua opinião9
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado 1230cf Há 1 semana

Avaliar clubes de futebol é complicado, Avaliar SAD´s idem, apesar de terem sido criadas para descomplicar. A propósito, nunca ouvi nenhuma (em Portugal) a falar de dividendos.
Nos livros a Sporting de Braga SAD vale 12 milhões e, no mercado vale cerca de 1,2 milhões (tem o handicap da liquidez).

comentários mais recentes
1230cf Há 1 semana

Avaliar clubes de futebol é complicado, Avaliar SAD´s idem, apesar de terem sido criadas para descomplicar. A propósito, nunca ouvi nenhuma (em Portugal) a falar de dividendos.
Nos livros a Sporting de Braga SAD vale 12 milhões e, no mercado vale cerca de 1,2 milhões (tem o handicap da liquidez).

O mais importante aqui é perguntar Há 1 semana

porque venderam a perder 4€ por ação. Negócios destes são a ruina de quem vende e por vezes, a de quem compra.

Marco Teixeira Há 1 semana

Tantas dúvidas levanta este negócio... Afinal quem comprou estas ações? Seria importante este valor para os cofres da CMB nesta fase? Está de alguma forma relacionada com a cedência dos terrenos do "Parque Norte"? Estas são algumas questões, entre tantas.

Hermenegildo Campos Há 1 semana

Ok.... sendo assim o SCB vale 1Meuros... arredondados.

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub