Banca & Finanças Carlos Costa: “Está para breve o anúncio das condições” da troca de dívida do NB

Carlos Costa: “Está para breve o anúncio das condições” da troca de dívida do NB

As condições da oferta de troca de dívida do Novo Banco vão ser anunciadas “em breve”, garantiu o governador do Banco de Portugal. Carlos Costa recordou que “todos os agentes políticos e económicos têm interesse em que a operação seja bem sucedida”.
Carlos Costa: “Está para breve o anúncio das condições” da troca de dívida do NB
Miguel Baltazar/Negócios
Maria João Gago 13 de julho de 2017 às 16:06

"Está para breve o anúncio das condições" da oferta pública de troca de dívida do Novo Banco, essencial para a concretização da venda da instituição, garantiu Carlos Costa no Parlamento. No entanto, o governador recusou precisar o calendário de lançamento da operação e adiantar pormenores sobre a proposta que vai ser feita aos investidores.

 

"As condições é que vão determinar o sucesso da operação", sublinhou Carlos Costa, defendendo que "todos os interessados no Novo Banco, incluindo os agentes políticos e os agentes económicos, têm todo o interesse em que esta operação seja bem sucedida".

 

A troca de dívida do Novo Banco é uma condição essencial para a concretização da venda da instituição. O objectivo desta operação é gerar 500 milhões de euros de solidez para reforçar os rácios de capital da instituição liderada por António Ramalho.





A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 13.07.2017

Não se deve esquecer da liquidação do Banif. Os acionistas daquela instituição precisam de resolver as menos valias com as finanças.

MILENIUM BCP a 1ª LIBRA por AÇÃO 13.07.2017

ABENÇOADO BREXIT os bancos ingleses pareçem CÃES de volta do MILENIUM BCP eles precisam do BCP como O DESERTO precisa de ÀGUA é no que deu não deixarem o bcp subir DURANTE 3 MESES agora vamos ficar SEM MILENIUM BCP

pub