Media CDS considera “indigno de um primeiro-ministro” comentário de Costa sobre PT/Altice

CDS considera “indigno de um primeiro-ministro” comentário de Costa sobre PT/Altice

A líder do CDS qualificou de “indigno de um primeiro-ministro” o comentário de António Costa, na quarta-feira, sobre o futuro da PT, agora propriedade da multinacional Altice.
CDS considera “indigno de um primeiro-ministro” comentário de Costa sobre PT/Altice
Lusa 15 de julho de 2017 às 19:49

"Quem quer ser um governante de primeira linha, quem quer ser um primeiro-ministro sério e respeitado, quem quer ser um estadista, não faz os comentários que fez no parlamento e da forma como fez", afirmou Assunção Cristas, à margem de uma acção de pré-campanha na freguesia de Marvila, em Lisboa.

"É indigno de um primeiro-ministro", sublinhou.


Na quarta-feira, durante o debate do estado da Nação, o primeiro-ministro manifestou-se apreensivo com o futuro da PT, agora propriedade da multinacional Altice, temendo mesmo pelo futuro de postos de trabalho e apontando a uma das operadoras "falhas graves" no incêndio de Pedrógão Grande.


"Receio bastante que a forma irresponsável como foi feita aquela privatização possa dar origem a um novo caso Cimpor, com um novo desmembramento que ponha não só em causa os postos de trabalho, como o futuro da empresa", declarou o primeiro-ministro.


Para a líder do CDS e candidata à câmara de Lisboa, é preciso "verificar se a legislação é cumprida e isso cabe ao Governo e às instâncias judiciais".

"Se entende que há alguma coisa em que o Governo deve actuar, que o diga de forma série e consequente", acrescentou.




A sua opinião27
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo Há 6 dias

Amigo Negócios, diga lá se a Austrália é ou não é Primeiríssimo Mundo. Porque é que se vive tão melhor por lá? Porque o excedentarismo tem muito pouca margem de progressão. O oposto de Portugal e da Grécia. "Telstra Corporation Ltd , Australia's largest telecoms company, will lay off 1,400 workers in a fresh round of job cuts, eager to rein in costs ahead of a new government-owned broadband network and as competition squeezes mobile margins." www.businesstimes.com.sg/technology/telstra-to-shed-1400-in-latest-round-of-job-cuts-as-competition-bites

comentários mais recentes
Digno é assinar Leis na Praia sem as discutir Há 5 dias

Sabemos bem da dignidade da Senhora como Ministra,da dignidade dos seus governos, dos seus atos assinando decisões eletronicamente sem as discutir e Ler, todos nos lembramos do governo dela com o PSD.

Digno é assinar Leis na Praia Há 5 dias

Todos sabemos a dignidade dela no Governo, a dignidade dos Governos dela, e como assinava Leis na Praia, sem as discutir nem as conhecer.

Já são tantos, que já cheira a esturro Há 5 dias

O que leva a esta correria, ou luta de apoio, a correr em apoio a ALTICE ? Porque tanta questão em apoio a estes futuros donos deste órgão de Comunicação Social ? A TVI vai ser um órgão de Direita ?

O QUE MAIS INTERESSA AOS DOIS SÃO OS NEGÓCIOS Há 6 dias

Tal como o aldrabão PASSOS, também a MISS PIGGY resolveu, uma vez mais, usar dos seus dotes de peixeira e vir corroborar o seu companheiro de direita.
Porém, mandam às urtigas a situação periclitante dos trabalhadores, pq isso é coisa de somenos importância para estes hipócritas da direita radical

ver mais comentários
pub