Banca & Finanças CGD reforça administração com professor de Harvard

CGD reforça administração com professor de Harvard

O Estado já nomeou o 15.º administrador da CGD. O novo membro é Hans-Helmut Kotz, actual professor de Harvard e consultor da Mckinsey. O novo administrador não executivo foi membro do banco central alemão e de um grupo de especialistas do Parlamento Europeu.
CGD reforça administração com professor de Harvard
Maria João Gago 24 de outubro de 2017 às 18:16

O conselho de administração da Caixa Geral de Depósitos foi reforçado a 19 de Outubro, com a nomeação de Hans-Helmut Kotz, actual professor da Universidade de Harvard e consultor sénior da McKinsey.

 

A decisão do accionista Estado foi tomada "por deliberação unânime por escrito, de 19 de Outubro de 2017, considerando a não oposição do Banco Central Europeu quanto à avaliação da adequação do [novo] membro do órgão de administração", revelou a instituição liderada por Paulo Macedo em comunicado divulgado esta terça-feira, 24 de Outubro, no site da CMVM. Hans-Helmut Kotz "foi eleito como membro não executivo do conselho de administração da CGD, para o mandato de 2017-2020", acrescenta a mesma nota.

 

Hans-Helmut Kotz é professor visitante de Economia na Universidade de Harvard, leccionando ainda na Universidade Goethe, em Frankfurt, e na Universidade de Freiburg. De acordo com a biografia publicada no site do Centro de Estudos Financeiros de Harvard, o professor é também consultor sénior da McKinsey e membro do conselho de supervisão da Eurex Clearing.

O novo administrador não executivo da Caixa foi também administrador do Deutsche Bundesbank, entre 2002 e 2010, com o pelouro da estabilidade financeira, mercados e estatísticas, tendo ainda assento em diversos comités do Banco de Pagamentos Internacionais (BIS, na sigla original) e da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE). Entre 2002 e 2005 integrou um grupo de especialistas em mercados financeiros do Parlamento Europeu.


(Notícia actualizada pela última vez às 18:31 e corrigida com a informação de que Hans-Helmut Kotz integrou um grupo de especialistas do Parlamento Europeu mas não foi eurodeputado. Por outro lado, a equipa ainda não está completa, como inicialmente referido, já que Paulo Macedo pretende ter equipa de 16 administradores)



Saber mais e Alertas
pub