Empresas Chineses da Comac avaliam investimento na Bombardier

Chineses da Comac avaliam investimento na Bombardier

A estatal chinesa Comac estará em negociações com a Bombardier sobre um possível investimento na unidade aeroespacial da companhia canadiana, avança o Financial Times.
Chineses da Comac avaliam investimento na Bombardier
Reuters
Negócios 18 de maio de 2017 às 16:32

A chinesa Comac está em negociações com a Bombardier sobre um possível acordo que poderia impulsionar o negócio de jactos de passageiros da empresa canadiana, avança o Financial Times esta quinta-feira, 18 de Maio.

 

Segundo fontes citadas pela mesma publicação, a Comac está a trabalhar num acordo que poderia envolver um investimento por parte da fabricante estatal chinesa de aeronaves no braço aeroespacial da Bombardier ou uma participação no projecto CSeries, que inclui os modelos CS100 e CS300.

 

As duas empresas estarão em negociações há algum tempo, não havendo para já qualquer decisão, de acordo com o FT.

 

Há cerca de um mês, foi noticiado que a companhia canadiana também mantinha conversações com a Siemens sobre a possível fusão das suas unidades de comboios.

 

Em 2012, a Comac e a Bombardier assinaram um acordo para potenciar as sinergias entre o C919, da estatal chinesa, e o CSeries da Bombardier para reduzir os custos de formação e manutenção.  




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar