Chineses "congelam" pagamento da privatização EDP à espera de acordo sobre apoios à energia
11 Maio 2012, 09:52 por Jornal de Negócios Online | negocios@negocios.pt
Enviar por email
Reportar erro
0
Os responsáveis da Three Gorges vão reunir-se com o Ministério da Economia hoje. Mas o pagamento da compra da participação na EDP, na privatização da eléctrica, poderá ser adiado, de acordo com o "Diário Económico". Chineses querem saber se as alterações no sector energético afectam o valor da EDP.
O jornal diz que o presidente da Three Gorges, Cao Guangiing (na foto), vai reunir-se ainda hoje com os responsáveis do Ministério da Economia.

A empresa quer assegurar-se que os cortes que deverão ser implementados nos apoios à produção de electricidade não vão afectar o valor da eléctrica portuguesa.
Em causa estão os cortes que constam no programa de ajustamento de Portugal e que visam reduzir os apoios estatais a este sector, nomeadamente as rendas excessivas.

Na última segunda-feira o próprio presidente da Three Gorges afirmou à Lusa que “Está tudo acertado. Amanhã parto para Lisboa e no dia 11 fechamos o acordo”.

A empresa já pagou cerca de 600 milhões de euros por 21,35% do capital da EDP, faltando 2,1 mil milhões de euros. Um valor que deveria entrar nos cofres do Estado português até Junho.
Enviar por email
Reportar erro
0
pesquisaPor tags:
alertasPor palavra-chave: