Banca & Finanças Commerzbank regista lucros de 217 milhões e supera estimativas

Commerzbank regista lucros de 217 milhões e supera estimativas

O banco alemão obteve lucros de 217 milhões de euros nos primeiros três meses do ano, o que compara com o lucro de 169 milhões alcançado no período homólogo. A média de quatro estimativas compiladas pela Bloomberg antevia lucros de apenas 74 milhões de euros.
Commerzbank regista lucros de 217 milhões e supera estimativas
Reuters
Negócios com Bloomberg 09 de maio de 2017 às 07:58

O Commerzbank revelou esta terça-feira, 9 de Maio, que nos primeiros três meses de 2017 registou um resultado líquido positivo de 217 milhões de euros, beneficiando da corretagem de títulos accionistas, seis meses depois de ter anunciado uma estratégia para diminuir as operações nesta área.

 

Este resultado compara com o lucro de 169 milhões de euros obtido no primeiro trimestre do ano passado e supera em larga medida os 74 milhões de euros previstos como resultado pela média de quatro estimativas compiladas pela agência Bloomberg.

 

As receitas do banco alemão antes das provisões para crédito malparado também aumentaram ligeiramente para 2,37 mil milhões de euros. "Esta tendência positiva deve-se principalmente a um crescimento do rendimento líquido de comissões proporcionado por volumes mais elevados de acções", justifica a instituição financeira em comunicado.

 

O Commerzbank atravessa um período de mudança apresentado em Setembro pelo CEO do banco, Martin Zielke, que se propõe cortar 9.600 postos de trabalho até ao final de 2020 e alienar as unidades de corretagem e de transacção de matérias-primas. 


A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub