Tecnologias Computadores do Instituto da Defesa Nacional atacados por "hackers" em Fevereiro

Computadores do Instituto da Defesa Nacional atacados por "hackers" em Fevereiro

Computadores do Instituto da Defesa Nacional (IDN), tutelado pelo Ministério da Defesa, foram atacados por "hackers" no final de Fevereiro e no início deste mês, confirmou à agência Lusa uma fonte governamental.
Computadores do Instituto da Defesa Nacional atacados por "hackers" em Fevereiro
Bloomberg
Lusa 16 de março de 2017 às 09:24

Este ataque informático atingiu pelo menos dois computadores do IDN, e, segundo disse à Lusa fonte do Ministério da Defesa Nacional, que tutela o instituto, o problema foi resolvido, sem consequências nem perdas.

 

Este foi o primeiro ataque de "hackers" registado pelo MDN em 2017.

 

Em 2016, foram duas as intrusões detectadas na área da Defesa, também em Março e no IDN, descritos como incidentes sem consequências pelo ministério.

 

O IDN, com sede em Lisboa, é um organismo tutelado pelo Ministério da Defesa Nacional e dedica-se à investigação, formação e divulgação das grandes questões da defesa nacional e segurança internacional.

 

Todos estes casos foram comunicados ao Centro Nacional de Ciberdefesa, na dependência do Estado-Maior General das Forças Armadas.

 

Em 2014, foi criado o Centro Nacional de Cibersegurança, inserido no Gabinete Nacional de Segurança, que, segundo o seu "site", "atua como coordenador operacional e autoridade nacional especialista em matéria de cibersegurança junto das entidades do Estado, operadores de serviços essenciais e prestadores de serviços digitais".

 

Segundo o Relatório de Segurança Interna de 2015, realizaram-se reuniões entre os Centros Nacionais de Cibersegurança e de Ciberdefesa, além de "reuniões operacionais" com o Serviço de Informações de Segurança (SIS) e a Polícia Judiciária (PJ).

 

Em 2015, foi criada uma "sala de situação" para acompanhar "eventuais hackivistas durante o processo eleitoral" das legislativas de Outubro.

 

Também nesse ano, foi publicada a Estratégia Nacional de Segurança do Ciberespaço.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub