Transportes Crianças com passe gratuito em Lisboa a partir de 1 de Fevereiro. Para idosos desconto é de 60%

Crianças com passe gratuito em Lisboa a partir de 1 de Fevereiro. Para idosos desconto é de 60%

Até aos 12 anos ninguém paga e para pessoas com 65 anos ou mais viajar na Carris, no Metro e na área urbana da CP custará 14,50 euros por mês. A medida está pronta a arrancar e a partir de 1 de Fevereiro quem já tiver o cartão Lisboa Viva poderá começar a beneficiar dos descontos.
Crianças com passe gratuito em Lisboa a partir de 1 de Fevereiro. Para idosos desconto é de 60%
Bruno Simão/Negócios
Filomena Lança 25 de janeiro de 2017 às 18:05

A Câmara de Lisboa concluiu os procedimentos necessários para avançar com as anunciadas reduções nos preços dos passes sociais para crianças e idosos, que chegam ao terreno na próxima semana, no dia 1 de Fevereiro, disse ao Negócios fonte oficial do município. As regras de acesso foram disponibilizadas esta quarta-feira, 25 de Janeiro, no site da Carris, e os interessados podem solicitar os cartões "Lisboa Viva". Para quem já tenha cartão com perfil de terceira idade ou criança, bastará adquirir o passe normalmente.

 

Os idosos com 65 anos ou mais passam agora a ter um desconto de 60% no passe, o que significa que pagarão 14,5 euros. Quanto às crianças até aos 12 anos terão direito ao passe gratuitamente. O benefício abrange qualquer pessoa, com menos de 12 anos ou mais de 65 anos, desde que seja titular de cartão Lisboa Viva com o perfil criança ou 3.ª Idade.

 

Os pedidos de novos passes estão disponíveis apenas em alguns pontos de venda: no Metro (estações de Marquês de Pombal, Colégio Militar, Jardim Zoológico, Campo Grande, Baixa-Chiado, Cais do Sodré, Oriente e Aeroporto); nos  Espaços Cliente Santo Amaro e Arco do Cego; nos Quiosques Mob Carris e nos Operadores de Transportes da Região de Lisboa.

 

O custo do cartão do passe, o Lisboa Viva, é de sete euros, com entrega em dez dias úteis, ou de 12 euros, caso seja pedido com urgência e para entrega em 24 horas.

 

O cartão Lisboa Viva permite circular na Carris, no Metro e na  Área urbana da CP que abrange na Linha de Cascais o percurso Cais do Sodré – Belém; na Linha de Sintra o percurso Rossio – Benfica e  Benfica – Moscavide; na Linha da Azambuja o trajecto entre Santa Apolónia e Moscavide; e na Linha de Cintura o percurso entre Alcântara Terra e Moscavide.

 

O preço do passe mensal é de 36,20 euros. Até agora, crianças e idosos beneficiavam de descontos de 25%. O alargamento dos descontos acontece no dia em que a propriedade da Carris passa formalmente para a Câmara de Lisboa. A Carris disponibiliza informações para idosos e para crianças na sua página da internet.




A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
cristina Há 3 semanas

Esta medida é errada, podem e devem beneficiar quem necessita realmente consoante prova de condição de recursos, porquê o passe gratuito e com desconto de 60% a quem tem bons rendimentos? Quem vai pagar esta "generosidade"? Sempre os mesmos que se veem aflitos para pagar as contas.

Anónimo Há 3 semanas

Afinal parece que não vai ser assim.
A Carris não sabe de nada nem estão habilitados a dar qualquer informação.
No site da Carris também não existe qualquer informação.

Anónimo Há 1 dia

...e nós que moramos fora de Lisboa, somos estrangeiros ?? não pagamos impostos tanto ou mais que em Lisboa?? viva a discriminação !!!

Adolfo Dias Há 1 dia

No Porto onde os transportes estão caríssimos, também queremos o desconto.
Grande cidade de Lisboa onde os cidadãos lutam pelos seus direitos.

pub
pub
pub
pub