Desporto Cristiano Ronaldo conquista quinta Bola de Ouro

Cristiano Ronaldo conquista quinta Bola de Ouro

O português Cristiano Ronaldo ganhou hoje pela quinta vez a Bola de Ouro, prémio atribuído pela revista francesa France Football ao melhor futebolista do ano, somando o quarto troféu nos cinco anos.
Cristiano Ronaldo conquista quinta Bola de Ouro
Reuters
Lusa 07 de dezembro de 2017 às 19:04
Cristiano Ronaldo, que conquistou em 2017 a Liga dos Campeões, a Liga espanhola, a Supertaça europeia e a Supertaça espanhola pelo Real Madrid, igualou os cinco troféus do argentino Lionel Messi (2009 a 2012 e 2015).

O 'capitão' da selecção lusa, que recebeu o troféu numa cerimónia realizada na Torre Eiffel, em Paris, já tinha arrebatado a Bola de Ouro em 2008, 2013, 2014 e 2016, nas edições intermédias num prémio entregue conjuntamente pela France Football e a FIFA.

Dez golos nos derradeiros cinco jogos da edição 2016/17 da Liga dos Campeões em futebol, decisivos para novo título europeu do Real Madrid, 'empurraram' o português Cristiano Ronaldo para a sua quinta Bola de ouro.

Após o ter sido eleito o 'The Best' da FIFA e o jogador do ano da UEFA, Ronaldo, que já tinha sido galardoado em 2008, ainda como jogador do Manchester United, 2013, 2015 e 2016, recebeu hoje, como anunciado, a quinta Bola de Ouro, que lhe permite igualar o feito do argentino Lionel Messi.

A 'Champions' de 2016/17 arrecadada pelos 'merengues', a primeira equipa a revalidar troféu, foi 'chave', já que o 'capitão' da selecção lusa marcou cinco golos nos 'quartos', ao Bayern Munique, três na primeira 'mão' das 'meias', ao Atlético de Madrid, e 'bisou' na final, perante a Juventus (4-1).

Estes 10 jogos, por si só, 'valeram' a Bola de Ouro, mas Ronaldo fez mais, pois também apareceu a faturar nos últimos jogos da Liga espanhola, depois do célebre desaire por 2-3 com o FC Barcelona no Bernabéu, assegurando o cetro do Real Madrid.

Além destes dois títulos, o português participou, no arranque da presente temporada, na vitória na Supertaça Europeia e foi importante na Supertaça espanhola, com um golo em Nou Camp, onde o Real Madrid triunfo por 3-1 na primeira mão e o '7' dos 'merengues' acabou expulso.

Ronaldo somou em 2017 quatro títulos pelo Real Madrid -- ainda pode somar um quinto no Mundial de clubes -, e foi também importante na qualificação de Portugal para o Mundial de 2018, com 12 golos nos oitos jogos realizados este ano.

No total, entre jogos pelo Real Madrid e a selecção nacional, o avançado luso somou 49 golos, em 56 jogos, com uma média de quase um golo por jogo a época passada (33 tentos, em 34 encontros).

Em 2017/18, os números baixaram, com 16 golos, em 22 jogos, muito por culpa de grande ineficácia na Liga espanhola, com míseros dois tentos apontados, em 10 embates, produção ao nível do quarto lugar que ocupam os 'merengues'.

Cristiano Ronaldo 'salvou-se' na 'Champions', prova em que se tornou o primeiro jogador a marcar em todos os encontros na fase de grupos, para um total de nove, em seis jogos, mas sem evitar que o Real Madrid terminasse atrás do Tottenham.

Os 'merengues' estão, ainda assim, nos oitavos de final da 'Champions' e também da Taça do Rei, sendo que, mesmo seguindo no quarto lugar da Liga espanhola, a oito pontos do FC Barcelona, também ainda correm pela revalidação de 'La Liga'.

A acabar 2017, o Real Madrid ainda tem pela frente o Mundial de clubes, prova para a qual parte como grande favorito, sendo que a época 2017/18 tem como ponto alto o Mundial de 2018, na Rússia, onde Ronaldo chegará como detentor do título europeu de selecções e ostentando o título de melhor jogador do mundo.



A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 5 dias

A inteligência também se conquista com muito trabalho.