Turismo & Lazer Cruzeiros em Lisboa crescem 3% no primeiro semestre

Cruzeiros em Lisboa crescem 3% no primeiro semestre

Dos primeiros seis meses deste ano, Maio foi o melhor mês para a actividade de cruzeiros de Lisboa. As previsões do porto da capital apontam para um crescimento de 11% das escalas e de 1% dos passageiros em 2017.
Cruzeiros em Lisboa crescem 3% no primeiro semestre
Bloomberg
Negócios 10 de julho de 2017 às 15:54

O Porto de Lisboa registou, no primeiro semestre deste ano, um crescimento de 3% de escalas, assim como do número de passageiros de cruzeiro.

De acordo com dados da Administração do Porto de Lisboa (APL), até Junho foram contabilizados 133 escalas e 192.685 passageiros, contra as 129 escalas e 187.903 passageiros registados no período homólogo de 2016.

Segundo a APL, o aumento do número de escalas foi impulsionado pelo crescimento de 13% das operações em trânsito, que passaram de 85 para 96, "o que se justifica pelo aumento deste tipo de escala efectuado pelos operadores Royal Caribbean Internacional, Aida Cruises e Thomson Cruises".

Como sublinha, "assiste-se a um aumento do número de navios de cruzeiros a operar no Mediterrâneo e ilhas atlânticas – 166 em 2016 contra os 173 em 2017 – as duas principais áreas de influência do porto de Lisboa".

Relativamente aos passageiros, o aumento de 3% foi determinado pelos crescimentos de 1% dos passageiros em "turnaround" e de 3% dos passageiros em trânsito, "o que se justifica pela ocorrência de mais 11 escalas em trânsito".

A APL refere ainda que o aumento de sete navios de cruzeiro a operar no Mediterrâneo e ilhas atlânticas representou um crescimento da oferta de camas disponíveis em 7.337, passando de 215.197 em 2016, para 222.534 em 2017.

No conjunto do primeiro semestre, o mês de Maio foi o que registou o maior número de escalas – 51 – e de passageiros – 81 971, tendo sido "o melhor Maio de sempre em passageiros de cruzeiro". Já em Junho, em termos homólogos, o número de escalas registou um recuo de 5% e o de passageiros de 10%.

Para o segundo semestre do ano, o Porto de Lisboa prevê receber cerca de 211 escalas e 333 mil passageiros.

"Assim, e caso as previsões se confirmem, a actividade de cruzeiros no Porto de Lisboa registará, em 2017, um crescimento de 11% ao nível das escalas, e de 1% ao nível dos passageiros, prevendo-se, assim, um total de cerca de 344 escalas e de 526 mil passageiros", diz a APL.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub