Telecomunicações Dalila Araújo: "Vou provar aos operadores a minha imparcialidade"

Dalila Araújo: "Vou provar aos operadores a minha imparcialidade"

Dalila Araújo foi indigitada para a Anacom, mesmo sendo "senior advisor" da PT/Altice. Ouvida no Parlamento, Dalila Araújo prometeu isenção e imparcialidade.
Dalila Araújo: "Vou provar aos operadores a minha imparcialidade"
Bruno Simão/Negócios
Alexandra Machado 06 de julho de 2017 às 20:00
Dalila Araújo vai sair da PT para assumir funções de administradora na Anacom. Ouvida no Parlamento, a ex-secretária de Estado da Administração Interna defendeu-se, dizendo não ter "dúvida" de que "vou provar aos operadores da minha imparcialidade". E, acrescentou, "o facto de vir do sector é benéfico para a actividade e é benéfico para sector". 

"Revejo-me completamente na estratégia e compromisso inequívoco de independência e transparência que deve ser o cerne de acção dos vogais", declarou Dalila Araújo, enfatizando que vai actuar com "ética, transparência e independência". Assumiu: "exercerei o cargo com total independência, imparcialidade e transparência em beneficio da Anacom".

(Notícia em actualização)





A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
5640533 Há 2 semanas

Mais uma isenta...

António Há 2 semanas

Uma vergonha, Senhor Presidente Marcelo, uma Vergonha

pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub