Media Dinheiro Vivo tem nova directora

Dinheiro Vivo tem nova directora

Rosália Amorim vai substituir Sílvia Oliveira no cargo, com efeitos a partir de amanhã. A alteração acontece cerca de um mês depois de mudanças também na direcção do Diário de Notícias.
Paulo Zacarias Gomes 03 de Outubro de 2016 às 17:00
A jornalista Rosália Amorim vai ser a nova directora editorial do meio económico Dinheiro Vivo, substituindo no cargo Sílvia de Oliveira que estava há dois anos nestas funções.

O nome da nova responsável foi avançado esta segunda-feira, 3 de Outubro, em comunicado enviado às redacções pelo grupo Global Media, dono do Dinheiro Vivo e de publicações como o Diário de Notícias e Jornal de Notícias. 

A substituição tem efeitos a partir desta terça-feira, 4 de Outubro. Sílvia de Oliveira tinha sido convidada em Setembro de 2014 para liderar aquela publicação, na sequência da saída de André Macedo para a direcção do Diário de Notícias. 

A saída acontece cerca de um mês depois de o jornalista Paulo Baldaia, ex-director da TSF, ter assumido o cargo de director do Diário de Notícias.

Rosália Amorim tem experiência de mais de 20 anos no jornalismo, tendo liderado ao longo do último ano e meio o projecto angolano Media Rumo. É licenciada em Relações Internacionais e passou por meios como Você, S.A., Exame e Expresso. 

O comunicado do conselho de administração do grupo não faz referência ao nome de Silvia de Oliveira, desejando "as maiores felicidades" à equipa e à nova directora.



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 03.10.2016


Peeensionista da CGA

És proprietário da parte da pensão que corresponde aos descontos efetuados!

O resto, mais de metade, é uma esmola que os trabalhadores e os contribuintes portugueses te dão, 14 meses por ano.

comentários mais recentes
Anónimo 03.10.2016


PS DEIXA MORRER UTENTES DO SNS... PARA DAR MAIS DINHEIRO À FP:

- PS aumenta despesa com salários da FP em 500 milhões de Euros;

- PS reduz horário da FP para 35 horas;

- PS corta orçamento dos Hospitais Públicos.

Anónimo 03.10.2016


Peeensionista da CGA

És proprietário da parte da pensão que corresponde aos descontos efetuados!

O resto, mais de metade, é uma esmola que os trabalhadores e os contribuintes portugueses te dão, 14 meses por ano.

pub
pub
pub
pub