Energia Duas novas barragens da EDP entram em operação no início de 2017

Duas novas barragens da EDP entram em operação no início de 2017

Depois de duas centrais hídricas terem arrancado ainda este ano, a eléctrica prepara para lançar mais duas no próximo ano.
Duas novas barragens da EDP entram em operação no início de 2017
André Cabrita-Mendes 04 de Novembro de 2016 às 12:37
A EDP está a concluir a construção de mais duas centrais hídricas. As duas barragens estão a ser finalizadas e entram em operação no início de 2017.

"Estamos a acabar as duas últimas centrais em construção. Duas barragens começam a produzir em 2017", adiantou o presidente da EDP, António Mexia, numa chamada com analistas esta sexta-feira, 4 de Novembro.

A primeira barragem é a central com bombagem de Venda Nova III, com capacidade instalada de 756 megawatts. A segunda é a albufeira de Foz-Tua, com capacidade instalada de 263 megawatts.

Nos primeiros nove meses deste ano, a EDP investiu 108 milhões na construção de centrais hídricas.

Além das duas centrais em construção, duas outras entram em operação: a de Salamonde II com 207 megawatts e a de Baixo Sabor, com 182 megawatts.

A EDP viu este ano a construção da barragem do Alvito ser cancelada após o Governo rever o Plano Nacional de Barragens, enquanto a do Fridão ficou em banho-maria durante três anos. 

As acções da EDP recuam 0,76% para 2,89 euros.



A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

O autor do artigo demonstra ter alguma dificuldade em distinguir barragem de central elétrica :(

pub
pub
pub
pub