Indústria Eberspaecher inaugurou fábrica em Tondela que vai criar 550 postos trabalho até 2020

Eberspaecher inaugurou fábrica em Tondela que vai criar 550 postos trabalho até 2020

A Eberspaecher inaugurou hoje a sua primeira fábrica de tecnologia em escape em Portugal, que espera criar, em Tondela, cerca de 550 postos de trabalho até 2020, avançou o sócio-administrador do grupo alemão, Heinrich Baumann.
Eberspaecher inaugurou fábrica em Tondela que vai criar 550 postos trabalho até 2020
O grupo Eberspaecher é um dos líderes mundiais de mercado no desenvolvimento e fornecimento de tecnologia de escape
Lusa 28 de setembro de 2017 às 13:09

"O dia de hoje é um marco histórico ao inaugurarmos a primeira fábrica do grupo em Portugal. A equipa de Tondela está em crescimento, até ao final do ano contamos ter 120 trabalhadores e até 2020 esperamos chegar aos 550", revelou.

 

Durante a cerimónia de inauguração da fábrica de Tondela, que representa o arranque oficial da produção da Eberspaecher em Portugal, o sócio-administrador do grupo alemão sublinhou que vão ser produzidos sistemas de tecnologia de escape para veículos de passageiros para fabricantes internacionais de automóveis em Portugal, Espanha e norte de Marrocos.

 

"Esta fábrica foi construída em tempo recorde, num terreno de 11 hectares, o que corresponde a 15 campos de futebol. O edifício ocupa uma área que equivale a quatro campos de futebol", informou.

 

De acordo com Heinrich Baumann, este é um passo importante para o grupo alemão, que encontrou em Portugal, e em particular em Tondela, as condições necessárias para continuar a crescer.

 

"O que começa hoje vai crescer. Em 2020, esperamos que a capacidade de produção anual seja de 2,5 milhões de componentes", acrescentou.

 

Durante a cerimónia, o presidente da Câmara de Tondela, José António Jesus, congratulou-se com a instalação da fábrica alemã ter ocorrido no seu concelho, depois de ter sido "disputada por outros territórios".

 

"O concelho de Tondela é um dos mais industrializados de toda a região. Em 2020, mais de 1.700 colaboradores estarão empregados no sector automóvel, distribuídos por quatro importantes empresas exportadoras, sem dependerem de um único mercado", apontou.

 

O autarca aproveitou para destacar ainda o peso que o sector empresarial tem também no concelho, onde na mesma zona industrial tem instalada a Labesfal. "A par destas áreas, o sector agroalimentar, a avicultura e as indústrias criativas reforçam a componente da industrialização e da liderança neste concelho", frisou.

 

Já a secretária de Estado da Indústria, Ana Teresa Lehmann, destacou a confiança que as empresas alemãs sempre depositaram em Portugal, mesmo em alturas de crise.

 

"Só no ano passado Portugal recebeu 14 importantes investimentos de empresas alemãs. Não é por acaso que a Eberspaecher e muitas outras empresas escolheram Portugal para instalar fábricas altamente avançadas e com tecnologia de ponta", considerou.

 

Sobre a nova fábrica de Tondela, Ana Teresa Lehmann enalteceu as suas características ecológicas, com processos de última geração e fabrico automatizado.

 

"É um exemplo de como os nossos recursos humanos estão cada vez mais preparados para o desafio da modernização dos processos", concluiu.

 

O grupo Eberspaecher é um dos líderes mundiais de mercado no desenvolvimento e fornecimento de tecnologia de escape, aquecimento para veículos e sistemas de ar condicionado para autocarros. A Eberspaecher é também um parceiro na inovação dentro da indústria automóvel para o desenvolvimento de ar condicionado para veículos especiais e eletrónica automóvel.

 

Fazem parte da carteira de clientes Eberspaecher quase todos os fabricantes de veículos de passageiros e comercias da Europa, América do Norte e cada vez mais fabricantes asiáticos de veículos de passageiros e comerciais.

 

Em 2016 este grupo posicionado internacionalmente, com mais de 9 mil funcionários, registou um volume de vendas de à volta de 4,3 mil milhões de euros.




A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
luis Há 3 semanas

Não era esta empresa que o autarca PSD prometeu para a Guarda?

Já não Há Mentira que Pegue Há 3 semanas

Não se vê Razão para votar em outro Partido nas eleições, que não PS, vê-se Todas as Razões para Votar no PS, 1º porque ninguém quer voltar a Trás, aos Saques do PSD e CDS, 2º Acabar com a dependência do BE, já que o PSD se Auto Excluio das Soluções para Portugal, agarrados que estavam ao TACHO.

Anónimo Há 3 semanas

Onde é que estão os comentadores avençados? Nem sabem onde é que fica Tondela... Ah! E não esquecer que foi graças à geringonça que este e todos os investimentos do último século em Portugal foram feitos!

pub