Banca & Finanças Elisa Ferreira responde ao PSD: “Adoptei o meu estilo e não tenciono mudá-lo”

Elisa Ferreira responde ao PSD: “Adoptei o meu estilo e não tenciono mudá-lo”

Elisa Ferreira não tenciona mudar de estilo de comunicação, apesar das críticas implícitas na questão da deputada do PSD que quis saber se a futura vice-governadora do Banco de Portugal pretendia “adoptar um estilo mais tradicional” nas novas funções.
Elisa Ferreira responde ao PSD: “Adoptei o meu estilo e não tenciono mudá-lo”
Miguel Baltazar
Maria João Gago 27 de junho de 2017 às 15:14

"Estilo, cada um tem o seu. Com a minha idade já adoptei o meu próprio estilo e não tenciono mudá-lo". Foi desta forma que Elisa Ferreira, futura administradora do Banco de Portugal respondeu à deputada Inês Domingos que questionou a administradora do supervisor sobre se, nas novas funções, pretendia "adoptar um estilo de comunicação mais tradicional".

 

"Não sei do que está a falar. Não falei sobre clima", começou por dizer a candidata a braço-direito de Carlos Costa, depois de a deputada do PSD ter dado o exemplo de intervenções excêntricas dos governadores do Banco de Inglaterra e do Banco Central da Índia, designadamente sobre alterações climatéricas. E deixou um pedido a Inês Domingos: "Se puder dizer onde falei fora das minhas competências, agradeço".

 

Mas Elisa Ferreira, que está a ser ouvida na comissão parlamentar de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa, recusou esta crítica. "Falei sempre de assuntos relacionados com a minha área. Não tenho participado em nada de especial. Mas não falo só para peritos. Os cidadãos têm de perceber o que está a acontecer. E é essa a obrigação dos responsáveis de cargos políticos. Se puder explicar às pessoas do que estou a falar, acho que estou a cumprir a minha obrigação".



A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Aonde há mais ratos na lapa ou no largo 27.06.2017

Os ratos no PSD aparecem em todos os cantos de norte a sul porque será,não tenho partido mas pago impostos,os ratos estão estalados no arco do roubo do laranjal escavacado,falem verdade deixem de truques,o povo é sábio votou para correr com os ladrões,ex.votante PSD vou votar geringonça são sérios.

Anónimo 27.06.2017

esta nodoa negra no banco de portugal??

O PSD quer é festa para destrair do diabo negro. 27.06.2017

O PSD tem que dar muitas contas aos portugueses de muitas jogadas de fim muito triste para todos nós, basta de truques e trapalhadas e mentiras,precisamos de trabalho honesto,os charlatões e ladrões não tem lugar numa democracia .

Mr.Tuga 27.06.2017

Sim! O estilo GIRL CARREIRISTA POLEIRISTA E TACHISTA daquela coisa FALIDA situada no Largo dos RATOS!

Parabens pelo excelente "PRÉMIO FINAL CARREIRA" principescamente remunerado para acumular posteriormente uma pensaozita milionária!
Já tinhas idade para reformar, não?!

pub