Empresas Empresa australiana alarga prospecção de minérios em Portugal

Empresa australiana alarga prospecção de minérios em Portugal

A Slipstream Resources pediu a atribuição de mais direitos de prospecção e pesquisa de depósitos minerais de quartzo, feldspato, lítio e outros minérios, agora no Minho.
Empresa australiana alarga prospecção de minérios em Portugal
Bloomberg

Depois de Trás-os-Montes, agora o Minho. A Slipstream Resources solicitou mais direitos de prospecção de minérios em Portugal.

 

De acordo com um aviso publicado em Diário da República, a empresa australiana "requereu a atribuição de direitos de prospecção e pesquisa de depósitos minerais de quartzo, feldspato, lítio e outros minérios, para uma área denominada Calvelo".

 

Esta área tem 72,815 km2 e está localizada nos concelhos de Barcelos, Ponte de Lima, Viana do Castelo e Vila Verde.

 

A Slipstream Resources já tinha efectuado o mesmo pedido, mas para outra área, em Trás-os-Montes, na zona denominada de Beça (concelhos de Boticas e Montalegre).


A Slipstream Resources é uma empresa baseada na Austrália, que gere vários fundos que investem no sector dos minérios e outros recursos. A empresa "tem uma rede global desenvolvida por mais de 30 anos" e está atenta a oportunidades em todo o mundo, segundo se pode ler no site da Slipstream.


Entre outras coisas, o lítio, por exemplo, é usado em baterias de telemóvel e de carros eléctricos. E parece ser um foco de interesse para o fundo australiano, que tem ganho muito dinheiro com este segmento. Segundo um comunicado no site da empresa, a Slipstream vendeu uma série de activos neste mercado à Kingston Resources Limited, depois de anos a acumular vários projectos. 

 




pub