Empresas Empresas “limpam” aumento nas receitas em 2017

Empresas “limpam” aumento nas receitas em 2017

As cerca de 3.500 empresas que prestam serviços de limpeza no mercado português voltaram a aumentar as vendas no ano passado. A Informa D&B descreve um sector "altamente fragmentado", que emprega 59 mil pessoas.
Empresas “limpam” aumento nas receitas em 2017
Reuters
António Larguesa 05 de fevereiro de 2018 às 13:15

O volume de negócios das empresas de prestação de serviços de limpeza ascendeu a 615 milhões de euros em 2017, o que representou um acréscimo de 3,4% face ao ano anterior. Para 2018, a Informa D&B estima uma nova subida de vendas neste sector de actividade, ainda que o prognóstico seja de um ritmo mais ligeiro (2,4%).

 

Depois da fraca evolução evidenciada durante a crise económica, as 3.520 empresas portuguesas do sector, com perto de 59 mil trabalhadores, registaram nos últimos três anos aumentos de vendas, de acordo com os dados publicados esta segunda-feira, 5 de Fevereiro. As grandes empresas, os organismos públicos, as escolas e os hospitais são os principais clientes.

 

A Informa D&B assinala que "os principais operadores têm vindo a aumentar a sua dimensão, graças às constantes operações de aquisição e fusão de outras empresas", sublinhando ainda a tendência para os clientes centralizarem várias actividades num único fornecedor, o que reforça a posição de mercado dos chamados grupos multisserviços.

 

Ainda assim, os níveis de concentração em Portugal são relativamente baixos, quando comparados com outros sectores de actividade. As cinco principais empresas – entre elas estão a líder de mercado ISS, a Iberlim e a Safira, que em 2015 foi comprada pelo grupo francês Derichebourg –, detêm uma quota de mercado conjunta de 28,4%. A percentagem sobe para 42,8% quando são englobados na contagem os dez maiores operadores do mercado português.

 

A diferença de dimensão em relação ao país vizinho, onde o mercado tem crescido a um ritmo inferior ao português (sobretudo porque a crise não tivera efeitos tão profundos nas vendas), é também assinalada neste relatório sectorial. É que o número de empresas de limpeza do outro lado da fronteira ascende a quase 31 mil, equivalendo as receitas ali geradas a 94% do total a nível ibérico.




pub