Energia Energéticas investem na redução de emissões de gases

Energéticas investem na redução de emissões de gases

O consórcio OGCI anunciou um investimento de mil milhões de dólares (900 milhões de euros) para reduzir a emissão de gases poluentes para a atmosfera.
Energéticas investem na redução de emissões de gases
Bloomberg
Negócios 04 de Novembro de 2016 às 14:21

A Oil and Gas Climate Initiative (OGCI), organização que concentra empresas produtoras de mais de um quinto do gás e petróleo a nível mundial, anunciou que vai investir mil milhões de dólares nos próximos 10 anos para implementar tecnologias de redução das emissões de gases poluentes e da energia despendida no transporte e na industrialização.

O consórcio diz, em comunicado, que o investimento pretende contribuir para a redução de emissões de gases responsáveis pelo efeito de estufa, ao mesmo tempo que responde às necessidades energéticas internacionais.

Estes investimentos "mostram a nossa determinação colectiva para criar tecnologia que permita uma mudança na forma de lidar com o desafio climático", afirma a organização que integra multinacionais como a BP, a Repsol ou a Shell.

A OGCI Climate Investments, que será criada no âmbito deste investimento, terá duas áreas de actuação: a aceleração da captura, uso e armazenamento de carbono e a redução das emissões de gás metano das indústrias petrolífera e do gás para potenciar os benefícios do gás natural.


Os investimentos do consócio incluem também o apoio a melhorias da eficiência energética, operacional e de transporte das indústrias com uso energético intensivo.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub