Media Eurobic patrocina Liga Portugal com 800 mil euros

Eurobic patrocina Liga Portugal com 800 mil euros

Teixeira dos Santos, líder do banco, considera que a mudança de marca de BIC para Eurobic foi uma "boa oportunidade para relançar a imagem do banco e ganhar maior notoriedade no país".
Eurobic patrocina Liga Portugal com 800 mil euros
Bruno Simão/Negócios
Wilson Ledo 03 de agosto de 2017 às 15:52

O banco Eurobic vai aplicar 800 mil euros no patrocínio da Liga Portugal, que organiza as competições de futebol no país.

 

O acordo para dois anos foi assinado esta quinta-feira, 3 de Agosto, entre a instituição liderada por Fernando Teixeira dos Santos e a Liga de Clubes, presidida por Pedro Proença.

 

O Eurobic - a nova marca do Banco BIC em Portugal - torna-se assim no "banco oficial da Liga Portugal". A parceria dá-se a ver através da presença do logótipo nos relvados, próximo das balizas, e na área de entrevistas rápidas ["flash interviews", como é conhecida no futebol].

 

Transversal às diferentes competições de futebol que integram a Liga Portugal, o maior destaque deste patrocínio terá lugar junto da Liga Nos, a principal.

 

"Achámos que esta mudança [de marca para Eurobic] seria uma boa oportunidade para relançar a imagem do banco e ganhar maior notoriedade no país", reagiu Teixeira dos Santos em conferência de imprensa.

 

Para Pedro Proença, este acordo representa "o último objectivo estratégico-comercial" do plano da Liga Portugal até 2019. "Este entendimento terá um retorno para quem investe no futebol profissional em Portugal. É um investimento mediático, com retorno garantido", acrescentou.

Depois de assinado o protocolo entre o Eurobic e a Liga Portugal, Fernando Teixeira dos Santos recorreu ao filme "Casablanca" para traçar as expectativas da instituição financeira no domínio do futebol. "Que seja o início de uma grande amizade", disse, abrindo assim as portas à possibilidade de renovação do contrato depois de 2019.

A marca Eurobic, em busca de "uma maior visibilidade no país", foi lançada em Junho passado. Foram os tribunais a obrigar o antigo Banco BIC a mudar de imagem comercial, para assim evitar confusões com o Banco BIG. "Esta marca é inconfundível com qualquer outra, preserva a identidade original do Banco e evidencia o seu carácter europeu ", afirmou o banqueiro na altura.

Como escreveu o Negócios, esta alteração de marca deveria estar concluída até 27 de Julho, tendo já sido adoptado pela rede de cerca de 200 agências existentes no país.

A mudança de marca representou um investimento de 2,5 milhões de euros, valor que "já estava previsto" pelo banco controlado por Isabel dos Santos e despesas inerentes à logística, aos materiais e à campanha de comunicação.

Até 2019, coincidindo com a data em que termina o patrocínio, o Eurobic espera um crescimento do volume de negócios de dois mil milhões de euros, assente sobretudo em novo crédito a particulares e empresas.

 

(Notícia actualizada às 17:36 com mais informação)




Saber mais e Alertas
pub