Turismo & Lazer Faro pede mais hotéis

Faro pede mais hotéis

O presidente da Câmara Municipal de Faro quer mais turistas no seu concelho. A preocupação está em apoiar eventos e o turismo acessível. Faltam só as unidades hoteleiras para receber mais gente.
Faro pede mais hotéis
Bruno Simão
Wilson Ledo 18 de Outubro de 2016 às 16:07

O presidente da Câmara Municipal de Faro, Rogério Bacalhau, reconheceu que o seu concelho "tem ainda uma carência grande de unidades hoteleiras". Daí que deixe o apelo a este tipo de investimentos, após ter aprovado um novo hotel de quatro estrelas.

 

O responsável falava esta terça-feira, 18 de Outubro, na segunda edição do Observatório: O Imobiliário em Portugal, uma iniciativa do Jornal de Negócios e da Century 21.

 

Uma das outras apostas para captar turistas e atenuar a sazonalidade está relacionada com os eventos, como o Festival do Marisco, que leva mais de 100 mil pessoas à cidade algarvia. Há ainda a preocupação em apoiar projectos que promovam a mobilidade e inclusão.

 

"Temos colocado a nossa cidade mais confortável e acessível. Isso tem trazido muitos mais turistas para a cidade", considera. Só por via aérea, através do Aeroporto de Faro, deverão chegar 7,5 milhões de passageiros este ano, avançou Rogério Bacalhau.

 

O concelho de Faro conta com pouco mais de três mil camas.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas


Os ladrões de esquerda

PS ROUBA A VIDA A 500.000 TRABALHADORES


EMIGRAÇÃO FORÇADA

Os Portugueses foram obrigados a emigrar devido à bancarrota do Socrates! …

e ao brutal aumento de impostos, ordenado pelo TC, para sustentar os privilégios da FP e seus pensionistas.

(claro que os xux.as e FP tentam esconder esta realidade)

pub
pub
pub
pub