Automóvel T-Roc. O novo SUV da Volkswagen: De Portugal para o mundo

T-Roc. O novo SUV da Volkswagen: De Portugal para o mundo

A marca alemã apresentou o novo modelo da sua gama de SUVs que vai ser produzida na Autoeuropa em Palmela. A marca espera aumentar as vendas nos próximos anos à boleia da gama de SUVs, no qual se encontra o T-Roc.
A carregar o vídeo ...
André Cabrita-Mendes 23 de agosto de 2017 às 19:00

O T-Roc é a resposta da Volkswagen ao crescente mercado mundial dos SUV. A marca espera aumentar as suas vendas nos próximos anos quando a sua gama de SUVs estiver completa.

 

"A produção em Palmela já começou e arrancou bem, o T-Roc chega às estradas em Novembro, primeiro na Europa e depois mais tarde na China", disse o presidente executivo da Volkswagen, Herbert Diess, na estreia mundial do T-Roc.

 

"É ágil em áreas urbanas, tem um aspecto desportivo e uma condução muito desportiva", afirmou o líder da construtora automóvel alemã.

 

O SUV citadino foi apresentado pela Volkswagen ao mundo esta quarta-feira, 23 de Agosto, em Itália.

 

"O T-Roc tem muito espaço, cockpit totalmente digital, integração completa com o smartphone e novos serviços online. E tem uma nova característica: o T-Roc reconhece o seu condutor e adapta-se a preferências pessoais como o controlo da condução, a iluminação e entretenimento, o que torna cada T-Roc único", sublinhou o presidente da marca de Wolfsburgo.

 

Conforme explicou Herbert Diess, o T-Roc vai trazer de série o sistema "front assist" que faz uma leitura digital de carros e peões, travando o carro a tempo para evitar acidentes. Outro sistema que o SUV vai ter é o "emergency assist" que controla o carro caso o condutor perca o controlo.

* O jornalista viajou a convite da Autoeuropa




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
Saber mais e Alertas
pub