Desporto FPF e Nike renovam contrato de patrocínio até 2024

FPF e Nike renovam contrato de patrocínio até 2024

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) e a marca de equipamentos desportivos Nike anunciaram esta quarta-feira a renovação do contrato de patrocínio até 2024, um dia depois de a selecção nacional ter conquistado a qualificação para o Mundial2018.
FPF e Nike renovam contrato de patrocínio até 2024
Bloomberg
Lusa 11 de outubro de 2017 às 16:15
Sem revelar os valores envolvidos na renovação contratual por mais seis anos, até 31 de dezembro de 2024, o presidente da FPF, Fernando Gomes, destacou a importância da parceria com a marca norte-americana, que começou em 1997.

"Foi há 20 anos que a Nike se associou à FPF. Desde então, a selecção A qualificou-se para 10 fases finais consecutivas, sendo a última para o Mundial Rússia-2018", observou Fernando Gomes, um dia depois de Portugal ter obtido a qualificação directa, ao vencer a Suíça, por 2-0.

O líder federativo expressou "orgulho pela extensão do vínculo com uma marca que partilha os mesmos valores da FPF", antecipando que os dois organismos "vão explorar nestes seis anos oportunidades novas para ambas as marcas".

Fernando Gomes recordou que durante aquele período, Portugal sagrou-se campeão da Europa, em França, em 2016, tendo disputado finais europeias e conquistado títulos em outros escalões, além de ter-se apurado pela primeira vez para a fase final do Europeu feminino.

O vice-presidente da Nike, Bert Hoyt, mostrou-se "muito satisfeito por prolongar a parceria com a FPF", assinalando que pretende "continuar a providenciar às selecções portuguesas os mais inovadores equipamentos, dando sequência ao sucesso que as duas marcas têm vivido em conjunto".



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
pertinaz Há 1 semana

NIKE = CENTRAL DE CORRUPÇÃO...!!!

Jean Cautin Há 1 semana

Que raio de especialistas de marketing que inventaram uma camisola com uma cruz? É para vender o mercado árabe e asiático?

pub