Energia Galp pronta para petróleo no Alentejo em 2017
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Galp pronta para petróleo no Alentejo em 2017

A Eni e a Galp querem continuar com o projecto e estão dispostos a avançar a partir de Abril. O projecto já obteve um parecer positivo da entidade licenciadora, mas a palavra final cabe ao Governo. Sousa Cintra admite ir para tribunal contra o Estado e pedir indemnização.
Galp pronta para petróleo no Alentejo em 2017
Miguel Baltazar/Negócios
André Cabrita-Mendes 15 de dezembro de 2016 às 00:01

A Galp quer avançar para o furo de petróleo no mar do Alentejo em 2017. E quer arrancar o mais depressa possível com a operação para fazer um furo a 46 quilómetros ao largo de Aljezur.

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião11
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Alvaro 16.12.2016

Os defensores da não exploração que se dispam da roupa que trazem no corpo e no carro e transportes que os deslocam, da luz que gastam e de alguma da comida que consomem e ainda do dinheiro que gastam e depois são crediveis na sua luta. Que é de meia duzia...

So ciganos fonix 15.12.2016

Socorro o pais esta a saque, dos infieis que ate falam a nossa lingua mas nem sao portugueses. Mas sera que ja comecaram a dar as prendas aos ministros dos roubos e poucas vergonhas. Onde param os grupos de defesa do ambiente&afins. Onde param os patriotas, que se acobardam a troca de uns vitens.

bucks 15.12.2016

GALP é um nojo! Não dão hipótese, martelam sem dó nem piedade.
Não há nenhum mercado liberalizado. É tudo muito bonito como nos contos infantis, tratam os clientes como esterco. É o que é mas ninguém tem balls para o dizer.
GALP go fuck yourself!

bucks 15.12.2016

A galp é um nojo de empresa, galp power pagando mensalmente sempre certo um valor para cima, ao fim 1 ano foram 200 euros de acerto a pagar e após acordo destes serem pagar desde agosto faseadamente, passaram para empresa de combrança a ameaçar em dezembro, apó acordo e sem qualquer aviso escrito.
Galp é um nojo mesmo. Nunca aconteceu nem querem saber, só dizem que agiram mal e pronto.
Não respeitam avisos legais. Fujam deles!
Não me rebentem com o Alentejo sff, que tenho costela de lá, é tudo muito bom investir, mas não esburaquem tudo...

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub