Tecnologias Google vai ter centro de serviços em Oeiras com 500 empregos qualificados

Google vai ter centro de serviços em Oeiras com 500 empregos qualificados

O primeiro-ministro anunciou hoje que a multinacional norte-americana Google vai instalar a partir de Junho, em Oeiras um centro de serviços, hub tecnológico, para a Europa, Médio Oriente e África, arrancando com 500 empregos qualificados. A Google confirma o centro.
Google vai ter centro de serviços em Oeiras com 500 empregos qualificados
Lusa
Negócios com Lusa 24 de janeiro de 2018 às 13:02

Foi o primeiro-ministro António Costa que fez o anúncio em Davos, na Suíça, no âmbito do Fórum Económico Mundial, numa conferência intitulada "Porquê Portugal, porquê agora", em que estiveram presentes os ministros da Economia, Manuel Caldeira Cabral, e das Finanças, Mário Centeno. Falou da implementação em Portugal pela Google de um centro tecnológico.

 

O primeiro-ministro referiu este investimento da Google na sua intervenção, que abriu a conferência e que foi dedicada a apresentar Portugal a investidores estrangeiros como um país competitivo, sobretudo em matéria de captação de start-ups e investimentos tecnológicos.

 

"Entre muitos investimentos em perspectivas destaco um: Portugal vai em breve acolher um investimento da Google, que arrancará logo com a criação de 500 empregos qualificados", disse.

 

Fonte oficial do executivo português disse que Portugal conseguiu este investimento da Google "no quadro de uma competição internacional muito forte".

 
A Google confirma o investimento em Portugal, explicando ao Negócios tratar-se de um centro de operações de fornecedores, "totalmente dedicado a fornecedores terceiros". Fonte oficial acrescentou, apenas, que "com esta abertura, estamos a instalar num local alguns dos muitos fornecedores que dão apoio às operações da Google", mas não fez referência aos postos de trabalho.

A autarquia de Oeiras também já reagiu a este anúncio. Isaltino Morais, presidente da Câmara de Oeiras, dá as boas-vindas à Google, dizendo que tal investimento "comprova que Oeiras é hoje o principal destino-sede das empresas de base tecnológica de Portugal".

Citado em comunicado, Isaltino Morais realça que "esse é o nosso 'core' e esse é o nosso objectivo: lançar um novo ciclo que promova a manutenção do nosso modelo de desenvolvimento local, assente na qualificação do nosso território e captação de instituições de referência, para promoção do emprego e da coesão social".


(Notícia actualizada às 14:05 com informações da Google e às 14:17 com comentário da autarquia de Oeiras)

 




pub