Banca & Finanças Governo sai em defesa do Montepio
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Governo sai em defesa do Montepio

Vieira da Silva contesta a “distinção” forçada entre a associação mutualista e a caixa do Montepio. E reitera as vantagens que vê na união com a Santa Casa da Misericórdia.
Governo sai em defesa do Montepio
Miguel Baltazar/Negócios
Diogo Cavaleiro 18 de maio de 2017 às 00:01

O Governo assume-se em defesa do Montepio. O ministro que tutela e supervisiona a associação mutualista, José Vieira da Silva, admite cuidado do Executivo no acompanhamento do grupo, pede cautela na reestruturação em )

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
alberto9 18.05.2017

Se o banco está falido, o melhor é deixá-lo falir. O estado só tem de garantir os depositos de quem lá tem dinheiro. Quanto às aplicações financeiras, temos pena...

espoliado 18.05.2017

Os sucessivos desgovernos atascam os portugueses em dívidas que não cometeram, nomeadamente com a banca corrupta e espoliadora. Isto é uma pouca vergonha pois todos esses recursos deveriam ser direccionados para apoios à saúde, crianças e velhos.

Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub