Empresas Grão-Pará reduz prejuízos em 29%

Grão-Pará reduz prejuízos em 29%

A empresa teve resultados operacionais negativos nos primeiros nove meses do ano.  
Negócios 30 de Novembro de 2016 às 17:46

A Grão-Pará anunciou esta quarta-feira, em comunicado à CMVM, que atingiu um resultado líquido negativo de 176 mil euros nos primeiros nove meses do ano, o que representa uma redução de 29% face ao registado no mesmo período do ano passado (247,6 mil euros).

 

A empresa não registou qualquer valor na rubrica de vendas e serviços prestados e desceu os outros rendimentos e ganhos em 70% para 85.801 euros.

 

Os resultados operacionais foram negativos em 30.304 euros, contra um valor positivo de 6.401 euros no período homólogo.

 

A redução dos prejuízos é explicada pela melhoria nos interesses minoritários, para -118.104 euros.

 

No curto comunicado com a apresentação dos resultados trimestrais, a Grão-Pará afirma que o "futuro das nossas empresas depende essencialmente da decisão dos processos intentados contra o Estado e a Região Autónoma da Madeira, ambos decorrentes do Acordo Global, celebrado em 2000, entre o Estado e o Grupo Grão Pará". A companhia pretende continuar "a política de redução de custos fixos".




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub