Empresas Grão-Pará reduz prejuízos para 175 mil euros

Grão-Pará reduz prejuízos para 175 mil euros

A Grão-Pará revelou os números do terceiro trimestre antes do fecho da bolsa, reportando uma ligeira redução dos prejuízos.
Grão-Pará reduz prejuízos para 175 mil euros
Negócios
Sara Antunes 30 de novembro de 2017 às 16:33

A Grão-Pará terminou o terceiro trimestre do ano com um prejuízo de 175,1 mil euros, o que compara com resultado negativo de 176,4 mil euros no mesmo período do ano passado, revelou a empresa em comunicado emitido para a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). O comunicado foi divulgado uns minutos depois das 16:00, ou seja um pouco antes do fecho da bolsa.

 

A contribuir para esta redução estiveram as receitas de 30 mil euros, provenientes de vendas e serviços prestados. Há um ano esta rubrica não registou qualquer valor. Nos outros rendimentos e ganhos, a Grão-Pará, liderada por Abel Pinheiro (na foto), registou um aumento de 19% para 102,1 mil euros.

 

Já a rubrica de gastos com pessoal não tem qualquer valor no trimestre em análise.

 

Os resultados operacionais foram negativos em 8,48 mil euros.

 

"Prosseguiu-se a operação de alienações de fracções no Edifício Espaço Chiado, visando a diminuição das responsabilidades bancárias", explica a empresa em comunicado. 




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
António Martins Há 2 semanas

Um grupo de trafulhas.

Saber mais e Alertas
pub