Start-ups Há mais dois milionários com menos de 30 anos no mundo das start-ups

Há mais dois milionários com menos de 30 anos no mundo das start-ups

Os dois fundadores da Stripe ingressam a lista dos milionários mais jovens do mundo. John Collison é o milionário "self-made" mais novo do mundo, tendo mesmo “batido” o líder do Snapchat por dois meses.
Há mais dois milionários com menos de 30 anos no mundo das start-ups
Bloomberg
Ana Laranjeiro 29 de Novembro de 2016 às 13:56

Há mais dois fundadores de start-ups a integrarem a lista dos milionários. E um deles é mesmo o mais jovem "self-made" milionário. De acordo com a Forbes, Patrick Collison e John Collison, fundadores da Stripe (uma empresa de pagamentos online) valem, pelo menos, 1,1 mil milhões de dólares – mais de mil milhões de euros – cada um depois de, nos últimos dias, a empresa ter fechado uma ronda de financiamento. Com o levantamento deste investimento, a Stripe está avaliada em 9,2 mil milhões de dólares.

Antes da concretização desta ronda, os dois irmãos detinham cerca de 30% da empresa que fundaram, segundo fontes da Forbes. Com esta operação, e de acordo com cálculos da revista norte-americana, os dois irmãos passaram a ficar com uma posição de cerca de 12% cada. A empresa levantou uma ronda de 150 milhões de dólares junto do fundo CapitalG. Quando os fundos de capital de risco investem numa start-ups geralmente fazem-no a troco de uma percentagem da empresa. Por isso, a posição dos fundadores e de outros investidores, frequentemente, vai-se diluindo.


Aos 26 anos, John Collison, o presidente da empresa, é mais jovem "self-made" bilionário – tendo ultrapassado o CEO do Snapchat, Evan Spiegel, também de 26 anos, em cerca de dois meses. O CEO da Stripe, Patrick Collison, de 28 anos, e Bobby Murphy, co-fundador do Snapchat, são os únicos dois bilionários "self-made" com menos de 30 anos.


A milionária mais jovem do mundo é a norueguesa Alexandra Andresen, de 20 anos. Andresen herdou uma participação de 42% da empresa de investimento da família, a Ferd.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Ciifrão Há 1 semana

Por cada negócio de sucesso as empresas de capital de risco devem ter imensos insucessos.

pub