Comércio Ibersol dispara 10% e Novabase em máximos de 2014 na véspera de chegarem ao PSI-20

Ibersol dispara 10% e Novabase em máximos de 2014 na véspera de chegarem ao PSI-20

Os papéis da gestora de marcas de restauração renovaram máximos de seis meses na sessão desta sexta-feira, a última sessão antes de integrar o principal índice nacional. A tecnológica negoceia em máximos de dois anos e meio.
Ibersol dispara 10% e Novabase em máximos de 2014 na véspera de chegarem ao PSI-20
Paulo Zacarias Gomes 17 de março de 2017 às 18:53
Os títulos da Ibersol terminaram a sessão desta sexta-feira, 17 de Março, a disparar 10,22%, a maior valorização de fecho de sessão em sete anos, no último dia de negociações antes de a empresa gestora de marcas de restauração integrar o PSI-20.

A expectativa de maior visibilidade trazida pela cotação no índice empurrou as acções para os 14,5 euros, em máximos de 24 de Fevereiro, levando a que tenham sido trocados 37,6 mil títulos, o triplo da média diária do último semestre.

Também a tecnológica Novabase - que com a revisão anual do PSI-20, elevará a 19 o número de constituintes do índice a partir desta segunda-feira, 20 de Março - beneficiou do efeito, ao terminar a sessão em máximos de dois anos e meio (15 de Setembro de 2014).

A empresa liderada por Luís Paulo Salvado encerrou nos 3,04 euros, a somar 4,43%, tendo na sessão desta sexta-feira trocado de mãos mais de 158 mil acções, quase seis vezes mais que a média diária dos últimos seis meses.

Desde que foi conhecida a alteração da composição, a Ibersol viu os seus títulos valorizarem-se em 1,04%, enquanto a Novabase assistiu a uma subida maior, de 7,8%.

As alterações da próxima segunda-feira põem fim a mais de um mês em que o índice negociou reduzido a 17 cotadas. Isto depois de o BPI ter sido excluído do índice a 10 de Fevereiro, reflectindo o reduzido número de acções disponíveis para negociação após o resultado da OPA lançada pelo CaixaBank.



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
CUROKA 17.03.2017

segunda feira essas ordens vão ter que ser satisfeitas.
os fundos vão entrar e levar a ação para perto dos 18.00 a 20.00€, por ação
estejam atentos

Anónimo 17.03.2017

A IBERSOL só não disparou mais, porque nos cofres finais na venda não havia vendedores para satisfazer a procura.

pub
pub
pub
pub