Transportes Inspectores do SEF a bordo de navios: Costa anunciou medida com 10 anos

Inspectores do SEF a bordo de navios: Costa anunciou medida com 10 anos

O primeiro-ministro anunciou que os inspectores do SEF passariam a controlar os passageiros que desembarcam no porto de Lisboa ainda dentro dos navios. Mas essa prática já tem mais de 10 anos e este ano só foi usada quatro vezes em 642 cruzeiros, escreve o DN.
Inspectores do SEF a bordo de navios: Costa anunciou medida com 10 anos
Bruno Simão
Negócios 15 de novembro de 2017 às 09:39

Os sindicatos que representam os inspectores do SEF ficaram surpreendidos quando ouviram António Costa anunciar, no final da semana passada, que os problemas de falta de pessoal para controlo dos passageiros no terminal de cruzeiros de Lisboa seriam resolvidos a bordo dos navios, escreve hoje o Diário de Notícias. "O SEF vai passar a adoptar a prática de ter inspectores embarcados no último porto de origem, de modo a que o controlo de passaportes se faça ainda a bordo", anunciou o primeiro-ministro na altura.

 

Sucede que esse controlo a bordo já está em vigor "há mais de uma década" e não teve impacto na falta de inspectores. Fontes do SEF e dos sindicatos do sector disseram ao DN que esse controlo apenas é efectuado a pedido do operador da embarcação e em casos "pontuais" – este ano só foram controlados quatro navios com inspectores a bordo.

 

Acresce que, de acordo com Acácio Pereira, do Sindicato da Carreira de Inspecção e Fiscalização, o controlo a bordo "é quase um controlo de charme, só para dizer que estamos lá, pois não existem equipamentos informáticos portáteis adequados que permitam aos inspectores aceder às bases de dados e cruzar as informações sobre os passageiros". Ou seja, quando o passageiro chega ao porto, ainda é preciso fazer novo controlo com consulta informática online.

 

Com o aumento do tráfego aéreo e marítimo em Lisboa, os sindicatos do SEF têm aumentado os protestos e a reivindicação de entrada de mais inspectores, queixando-se de um défice de 200 profissionais. O Governo promete abrir concurso para 100 inspectores "em breve".




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Paulo Há 1 semana

Um comentador de futebol dizia :É DISTO QUE O MEU POVO GOSTA.
São trapalhadas atrás de trapalhadas. É uma vergonha...
Siga a farra até um novo resgate...

pertinaz Há 1 semana

OS JORNALEIROS COMEÇAM A ACORDAR PARA AS MENTIRAS QUE O ESTUPOR DO COSTA PROPAGA...!!!

É UMA VERGONHA SERMOS DESGOVERNADOS POR ESTA ESCUMALHA DE ESQUERDA DITATORIAL...!!!

pub