Empresas Isabel dos Santos: “Belmiro de Azevedo deixa uma marca indelével”

Isabel dos Santos: “Belmiro de Azevedo deixa uma marca indelével”

A empresária Isabel dos Santos lamentou a morte do líder histórico da Sonae, recordando que Belmiro de Azevedo deixa no mundo empresarial português uma marca indestrutível.
Isabel dos Santos: “Belmiro de Azevedo deixa uma marca indelével”
DR
Negócios 30 de novembro de 2017 às 09:28

"Os meus sinceros sentimentos por esta perda enorme. Belmiro de Azevedo deixa no mundo empresarial português e em todos os que consigo se cruzaram uma marca indelével, de determinação, trabalho, capacidade de concretização e liderança". Foi com estas palavras que Isabel dos Santos lamentou esta quinta-feira, 30 de Novembro, a morte de Belmiro de Azevedo.

Na sua conta do Instagram, a empresária deixou ainda uma mensagem para a família do líder histórico da Sonae: " O meu pensamento e palavras são hoje para os filhos, mulher e netos, para quem a dor é imensa. Que o orgulho de terem convosco um legado tão forte vos dê a força que precisam neste momento".

Isabel dos Santos chegou a estabelecer uma parceria com a Sonae em 2011 para o lançamento dos hipermercados Continente em Angola. No entanto, o projecto nunca chegou a avançar.




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

Aos fornecedores coloquem-nos numa sala de espera sem ar condicionado, eles que esperem, quando negociarem digam-lhes se querem entrar no espaço têm de pagar primeiro... estas e tantas outras técnicas para pressionar os fornecedores/agricultores/pequenos industriais a venderem ao desbarato...

Camponio da beira Há 2 semanas

Um conseguiu a sua fortuna a trabalhar e consegue justificar a origem legal da sua fortuna.....

pub