Banca & Finanças KPMG alerta para valor excessivo do Montepio nas contas da Associação Mutualista

KPMG alerta para valor excessivo do Montepio nas contas da Associação Mutualista

O auditor externo voltou a chamar à atenção a entidade liderada por Tomás Correia para os investimentos financeiros, segundo o Público. Em causa está a avaliação da participação na Caixa Económica Montepio geral.
KPMG alerta para valor excessivo do Montepio nas contas da Associação Mutualista
Bruno Simão
Negócios 19 de abril de 2017 às 09:04

A KPMG voltou a alertar a Associação Mutualista Montepio Geral (AMMG) para o valor excessivo da sua avaliação à posição que tem na Caixa Económica Montepio Geral (CEMG). O alerto é feito no relatório e contas relativo a 2016, conta o Público na edição desta quarta-feira, 19 de Abril.

A Associação avalia a posição no banco liderado por Félix Morgado em 2 mil milhões de euros e a Holding Montepio Seguros em 256 milhões de euros.

O Público sublinha que o auditor externo não questiona as contas da AMMG de 2016. No entanto, aponta que na base destes números calculados pela Associação "podem estar pressupostos subjectivos, quer em termos do plano de negócios, quer das condições de mercado e dos critérios macroeconómicos", segundo o mesmo jornal.

Já em 2015 a KPMG tinha alertado par aos investimentos financeiros da entidade liderada por Tomás Correia, mais precisamente para o "registo de imparidades".




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Helena matos 20.04.2017

Acho que há um grande aproveitamento e oportunismo de outros concorrentes para tentar fazer cair o banco, envenenando sistematicamente os meios de comunicação social, para conseguirem os seus propósitos.
Um país de gente pequena......

Nelson Batista 19.04.2017

Se eu já achava que havia uma "campanha" deste jornal contra o montepio hoje fiquei sem qualquer dúvida! A que propósito saí esta notícia hoje? Há um novo documento da KPMG? Sabe à quantas semanas foram apresentadas as contas da AMMG (onde isso está escrito)?

pub
pub
pub
pub