Empresas Lisboa vai ter mais 4.500 lugares de estacionamento a pagar depois das eleições

Lisboa vai ter mais 4.500 lugares de estacionamento a pagar depois das eleições

A EMEL garantiu ao Expresso que o pagamento dos novos lugares distribuídos por cinco freguesias arranca depois das eleições.
Lisboa vai ter mais 4.500 lugares de estacionamento a pagar depois das eleições
Correio da Manhã
Negócios 26 de setembro de 2017 às 09:12
Lisboa vai ter 4.500 novos lugares de estacionamento pagos. Mas a EMEL só começa a cobrar depois das eleições.

A notícia foi avançada pelo jornal Expresso Diário na sua edição de segunda-feira, 25 de Setembro.

Os novos lugares de estacionamento pagos repartem-se entre: freguesia de São Vicente, zona da Graça, com 918 lugares; freguesia de Penha de França com 2.340 lugares; freguesia de Santa Clara 501 lugares num parque de estacionamento; em Alcântara mais 202 lugares num parque de estacionamento; no Areeiro com 500 lugares.

Somando todos, são 4.500 lugares de estacionamento que ou já têm parquímetros colocados ou estão prestes a ter, mas cuja data de entrada em funcionamento é desconhecida.

A EMEL adiantou ao Expresso que "não há mais aberturas até à data das eleições".



A sua opinião10
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 27.09.2017

Alguém tem que fazer maus negócios para o Medina fazer bons, nomeadamente na compra e venda de suas casas à TD que também não perde de certeza.

Anónimo 26.09.2017

"A ARVORE DAS PATACAS" uma espécie descoberta e com plantações maciças pelos politicos para puderem assaltar quem precisa do carro para trabalhar em Lisboa é a Arvore .

Mr.Tuga 26.09.2017

Acho muito bem que os lugares sejam pagos (principio do utilizador pagador!).

Mas esta de só depois da eleições ?!?!?!!?!?!?
Diz tudo sobre o Firnadinho Merdina!

armindommatos 26.09.2017

Ladrões do caralho.

ver mais comentários
pub