Empresas Lisboa vai ter mais 4.500 lugares de estacionamento a pagar depois das eleições

Lisboa vai ter mais 4.500 lugares de estacionamento a pagar depois das eleições

A EMEL garantiu ao Expresso que o pagamento dos novos lugares distribuídos por cinco freguesias arranca depois das eleições.
Lisboa vai ter mais 4.500 lugares de estacionamento a pagar depois das eleições
Correio da Manhã
Negócios 26 de setembro de 2017 às 09:12
Lisboa vai ter 4.500 novos lugares de estacionamento pagos. Mas a EMEL só começa a cobrar depois das eleições.

A notícia foi avançada pelo jornal Expresso Diário na sua edição de segunda-feira, 25 de Setembro.

Os novos lugares de estacionamento pagos repartem-se entre: freguesia de São Vicente, zona da Graça, com 918 lugares; freguesia de Penha de França com 2.340 lugares; freguesia de Santa Clara 501 lugares num parque de estacionamento; em Alcântara mais 202 lugares num parque de estacionamento; no Areeiro com 500 lugares.

Somando todos, são 4.500 lugares de estacionamento que ou já têm parquímetros colocados ou estão prestes a ter, mas cuja data de entrada em funcionamento é desconhecida.

A EMEL adiantou ao Expresso que "não há mais aberturas até à data das eleições".



pub